Guia de Apostas para EFL Championship 2018/19







 

Colaborador: Daniel Pereira

 

Nessa sexta ,03/08 começa a temporada 2018/19 da Championship EFL, a segunda divisão da Inglaterra prometendo fortes emoções e muitos gols.
 

Com 24 clubes na disputa do título, a Championship EFL tem o formato pontos em um total de 46 rodadas.
Os dois primeiros sobem para a Premier League e do 3º colocado ao 6º colocado disputam os play-offs.
Os vencedores de cada jogo vão para a final e o vencedor da final também é promovido a Premier League.
Os 3 últimos vão para a EFL Liga ONE

 

Na temporada de 2017/18, o Wolverhampton se sagrou campeão fazendo um campeonato incontestável com um estilo de jogo envolvente e grande investimento na formação do elenco tendo o melhor ataque com 82 gols, os outros dois times promovidos a Barclays Premier League foi o Cardiff que apostou no poder de sua defesa sendo a melhor da competição com 39 gols sofridos.
O Fulham depois de um bom tempo longe da elite está de volta depois de conseguir o acesso pelos Play-Offs.


Imagem relacionada

Burton Albion, Sunderland e Barnsley decepcionaram e acabaram rebaixados para EFL Liga ONE.

 

Na EFL LIGA ONE, Wigan, Blackburn Rovers e o Rotherham tiveram seu acesso depois de uma reta final alucinante e uma ótima sequência de vitorias tanto como mandante e visitante garantindo vaga para disputar a EFL Championship 2018/2019.
Da Premier League chegaram,  Swansea , Stoke City  e o West Bromwich.



Essa é a primeira rodada que começa na sexta, 03/08 e vai até segunda 06/08.

 

 

Imagem relacionada

O Aston Villa quase se complicou na temporada devido a problemas financeiros, mas a compra do clube pela dupla Nassef Sawiris e Wes Eden, salvou o clube de se desfazer de seus jogadores e até de seu centro de treinamento.
Steve Bruce continua no comando da equipe, assim como Jack Grealish Andre Green e Jonathan Kodjia, em um primeiro momento, mas a equipe está mais enfraquecida com as saídas de Robert Snodgrass, Sam Johnstone e John Terry.
A busca pelos playoffs é o objetivo principal, e entre a torcida, a confiança é alta que a equipe chegue pelo menos até lá.

Imagem relacionada

O Brentford passou perto da ida aos playoffs na última temporada, mas perdeu força na reta final nos confrontos direto, deixando a impressão de que resultados melhores poderiam ter sido alcançados, e é nisso que o clube se apoia para tentar o acesso nessa temporada, principalmente se for levar em consideração o entrosamento já que a base foi mantida e apenas duas saídas confirmadas de jogadores que jogaram pouco na temporada passada.
A expectativa é o Brentford brigar forte por uma vaga nos playoffs.

Pouca coisa mudou no Brentford: o técnico Dean Smith segue seu trabalho com bom apoio da direção, e o time também deve mudar bem pouco. Chegam o jovem e promissor zagueiro Ezri Konsa vindo do Charlton, e o também jovem atacante argelino Saïd Benrahma vindo do Nice. Andreas Bjelland, que foi reserva boa parte da temporada, e Konstantin Kerschbaumer, que também pouco jogou, são as saídas.

.

Resultado de imagem para Wigan

O Wigan de boa temporada na Liga One conseguindo o acesso com certa folga depois de uma boa série de vitórias consecutivas e um time com conjunto equilibrado que faz valer muito o fator casa  nesta temporada aposta em jogadores mais experientes na competição e aproveitar os talentos da base é um time para ficar de olho por usar o modelo adotado nas categorias de base da seleção inglesa com muitas variações de posicionamento e jogadas de bola parada principalmente como ponto forte do time por ter no elenco zagueiros altos bons nesse tipo de jogada.
Tem tudo para ser uma boa surpresa nessa EFL Championship na lista dos times que podem conseguir o acesso a Premier League na próxima.

Imagem relacionada

O Rotherham vem de acesso a EFL Championship se destacando como um otimo visitante principalmente pela força nos contra-ataques fundamentais na arrancada na parte final da competição, mas esse destaque trouxe como consequência a saída dos melhores jogadores vendidos para outros clubes e hoje conta com um elenco reformulado sendo um dos candidatos fortes a rebaixamento.

Imagem relacionada

O Derby County tem como sua principal esperança um ídolo do Chelsea, o ex jogador e agora treinador Frank Lampard, que promete um time com futebol envolvente e para que isso aconteça o Derby movimentou bastante o mercado de transferências contratando peças pontuais que consiga atender o modelo de jogo do seu treinador e é uma das equipes favoritas ao título e acesso a Premier League.

 

Imagem relacionada
Depois de uma temporada decepcionante na Premier League, o Stoke City vem renovado para conseguir voltar à elite do futebol inglês, depois de passar por problemas com o elenco na temporada passada com vestiário divido e o time bisonhamente caindo muito de produção até ser rebaixado, a reformulação tão esperada no elenco entre trocas e alguns reforços pode dar nova vida ao Stoke para brigar forte pelo título da EFL Championship.

Imagem relacionada
Após oito temporadas, o West Bromwich está de volta a Championship após uma temporada extremamente ruim na Premier League.

Sob o comando de Alan Pardew a equipe figurou na zona de rebaixamento quase a BPL inteira e agora é hora de pensar na EFL Championship,que deve se apresentar muito complicada .
Indiscutível e merecidamente, Darren Moore foi efetivado no cargo e vai comandar o time com uma moral gigantesca, com um prêmio de técnico do mês de abril da Premier League na prateleira e, por enquanto, um bom elenco disponível e a sequência no trabalho pode ajudar o WBA a conseguir brigar pelo título e o acesso a elite na próxima temporada.

O sucesso ou fracasso do WBA na Championship vai depender totalmente do técnico Darren Moore, que terá um desafio totalmente diferente, em um campeonato muito disputado de 46 longas rodadas.
Se conseguir resultados parecidos com o que conquistou na reta final da Premier League, dificilmente o West Bromwich não brigará pelo acesso.
Hoje é o grande favorito ao título junto com o Stoke. Mas todos sabemos que na Championship, o favoritismo não quer dizer muita coisa
.

 

 

Imagem relacionada
A vida do Birmingham na Championship é uma novela repetida há duas temporadas, se esforçando para se livar do rebaixamento nas últimas rodadas.
Essa repetição na parte de baixo da tabela e a pouca falta de ambição do clube, vem irritando profundamente os torcedores.
No final de 2016, o Birmingham foi vendido ao grupo Trillion Trophy Asia que nada acrescentou ao clube em termos de investimento em reforços, a tendência é os blues brigando novamente para não cair.

 

Imagem relacionada
A temporada que se encerrou foi de sofrimento extremo para o, já calejado, torcedor do Bolton.
Como esperado, o time brigou contra o rebaixamento durante todo o campeonato, por muitas rodadas chegou a ser o lanterna, mas uma arrancada permitiu que o clube pudesse na última rodada se livrar do rebaixamento com uma combinação de resultados,além de vencer seu jogo.
O clube vive uma seríssima crise financeira, sem poder fazer grandes investimentos e vai brigar para não cair novamente, apostando em jogadores que cheguem de graça para reforçar o elenco.

 

Imagem relacionada

O Blackburn Rovers está de volta à Championship após uma temporada na League One, onde fez um bom campeonato principalmente na reta final, conquistando o vice-campeonato com dois pontos a menos que o campeão Wigan.
E pelo que se vê até agora no mercado, o Blackburn não deve ser muito diferente do que terminou a última League One.
Contratações apenas do meia Joe Rothwell vindo do Oxford United, e do também jovem meia Jacob Davenport vindo da base do Manchester City.
A aposta será na manutenção do 4-2-3-1 "itinerante" implantado por Tony Mowbray, que dependendo do adversário pode variar para 3 zagueiros, e com todos os holofotes no craque da temporada da League One, Bradley Dack.

Resultado de imagem para Bristol City football
O Bristol City foi uma das gratas surpresas da última Championship, no início do campeonato, o time era junto com o Wolves o mais interessante de se ver jogar, com um futebol envolvente, uma forte bola parada.
Lee Johnson segue no comando, mas agora um pouco mais pressionado pela queda brusca que não permitiu que o Bristol City brigasse por playoffs.
Essa temporada promete ser mais equilibrada, e um bom início pode fazer com que os Robins briguem novamente pelo acesso.

Imagem relacionada

Após sete temporadas de muito sucesso na Premier League e por muitas vezes como referência de futebol bem jogado por um clube pequeno, o Swansea do País de Gales, está de volta a Championship.
Mesmo com o rebaixamento, ficou daquele time  a sensação de que poderia ter permanecido na premier League pelo bom futebol apresentado. 
Para temporada, o Swansea perdeu seu comandante Carvalhal, que não quis permanecer pra comandar o time na Championship, e o Swansea recorreu a um nome novo e bastante desconhecido: Graham Potter, inglês de 43 que se destacou na última temporada pelo pequeno Ostersund FK, da Suécia, fazendo uma grande campanha na Europa League.
A esperança é de manter o futebol bem jogado e a briga pelos play-offs seja a briga do Swansea na temporada pelo elenco que tem a disposição até o momento.

Imagem relacionada

Após decepcionante temporada o Sheffield Wednesday, que era o grande favorito a conseguir o título e o acesso a Premier League na temporada passada, vem para essa sem nenhuma contratação o que diminui qualquer expectativa sobre onde essa equipe pode chegar, certo é que não houve muitas saídas de jogadores mas a falta de reforços alem de irritar a torcida faz com que o treinador aposte alto na divisão de base que conta com alguns talentos que podem render ao longo da competição tornando a equipe uma incógnita sobre brigar pelos Play offs ou o meio da tabela.

Resultado de imagem para Sheffield United football

O Sheffield United fez um belíssimo papel em sua volta a Championship,após alguns anos na League One.
Confirmou as boas expectativas pelo modelo de jogo e continuidade do treinador, os Blades até lutaram na parte de cima da tabela durante boa parte do primeiro turno fazendo valer o mando de campo e contando com o faro de gols do artilheiro Leon Clarke.
Depois o time caiu de rendimento devido a lesões e suspensões e terminou em 10º lugar que foi visto de certa forma com bons olhos deixando a nítida sensação de que poderia ter ido mais longe com um elenco mais qualificado.

Nessa temporada sem perdas significativas no elenco e alguns reforços destaques de times da League ONE e League TWO,os Blades querem ter consistência na temporada para buscar uma vaga nos playoffs.

 

Imagem relacionada

A promessa de um time forte e de que o acesso à Premier League parecia certo, pela consistência do time e das boas contratações, se mostrou uma ilusão imensa na EFL passada, onde o que se viu foi um Reading perdido em campo e um time medonho que chegou a brigar para não cair terminando em 20º Lugar e dessa vez o pessimismo toma conta da torcida e dos analistas, que colocam a equipe na luta contra a queda.

 

Resultado de imagem para Queens Park Rangers football
O QPR, novamente, mostrou pouca força em sua terceira edição seguida na Championship sempre flertando com a parte de baixo da tabela correndo risco de rebaixamento.
Até então, o QPR vem sendo pouco ativo no mercado de transferências. Como substituto para Onuoha, o clube londrino trouxe o ótimo zagueiro Toni Leistner, que chega de graça
após o término de seu contrato com o Union Berlin.
O Queens se quiser algo melhor nesta temporada precisa de mais reforços e se não conseguirem trazer um número adequado, poderão sofrer novamente em um dos campeonatos mais disputados do mundo.

 

Resultado de imagem para Preston North  football
O tradicionalíssimo Preston voltou a mostrar força na última temporada.
Primeiro campeão inglês da história, e junto com o Arsenal os únicos a terem vencido de forma invicta o Campeonato Inglês, foi ao mercado de forma interessante buscando reforçar os setores mais deficientes do time.

Chegam o jovem meia Ryan Ledson vindo do Oxford com boas expectativas; o lateral Andrew Hughes vem do Peterborough e vem fazendo boa pré-temporada; O jovem zagueiro Jordan Storey vem do Exeter, e o atacante Graham Burke reforça o ataque. A expectativa é que o Preston brigue pelo meio da tabela até por ter perdido seus principais jogadores e novo treinador mudando a filosofia de jogo.

 

Imagem relacionada
O Nottingham Forest é o time que mais negociou jogadores no mercado até agora, tanto em chegadas quanto em saídas e fez uma verdadeira revolução no elenco, gastando muito dinheiro em busca de se tornar um dos favoritos ao play-off.
E com novo estilo de jogo, já que seu treinador gosta do jogo envolvente de toque de bola com meio campo leve e time muito agressivo por isso se torna um dos favoritos a vaga nos play-offs nesta temporada.

 

Imagem relacionada

O Norwich passou longe de brigar pelo acesso na última EFL Championship com um decepcionante 14º lugar, foram diversos problemas desde de uma zaga que deixava muito a desejar, brigas internas entre o técnico Daniel Farke e alguns jogadores e uma filosofia de jogo que demanda tempo para ser implantada.
O fato de o equilíbrio parecer ser a marca do campeonato que vem por aí pode ajudar, porém terminar outra vez no meio da tabela não seria nem um pouco bem-vindo lá pelos lados de Norfolk já que estão investindo em bons valores para temporada e a expectativa é briga pelos playoffs.

Resultado de imagem para Millwall football

Grata surpresa da EFL na temporada passada, o Millwall era dado como favoritos ao rebaixamento, mas uma sequência de boas apresentações e vitorias fez o time ir além das expectativas e brigar pelos playoffs, ficando a dois pontos do Boro (Middlesborough).
Nessa temporada, a Championship deverá ser marcada pelo equilíbrio entre a grande maioria dos elencos e o Millwall pode brigar pelos playoffs novamente se conseguir ter a mesma regularidade principalmente como mandante.

Imagem relacionada

A última temporada do Boro foi de grande expectativa, considerado um forte candidato ao acesso na análise da maioria dos analistas, porém na pratica o que se viu foi um time forte defensivamente e como extrema dificuldade em fazer gols.
O treinador Tony Pulis continua no comando e com moral com a direção, e o fato de ter em mãos um dos melhores elencos da Championship mantém o Boro como forte candidato ao acesso mais uma vez.
Mas a solidez defensiva será suficiente numa liga onde o número gols são cada vez mais importantes?
Tony Pulis tem, sabidamente, dificuldade em montar times ofensivos e a atuação no mercado até agora mostra que a intenção é primeiro não tomar gols para depois pensar em fazê-los, mas mesmo assim surge como um dos favoritos.

Imagem relacionada

O Leeds não consegue há várias temporadas ser consistente dentro das competições, sem grande oscilação, em que possa brigar no mínimo pelos playoffs.
Aliás, oscilação parece ser sempre a palavra-chave para definir o time onde inicia bem e depois o time cai muito de produção como aconteceu na última temporada,com Marcelo " El Loco Bielsa" no comando, a equipe tenta apresentar um futebol mais consistente e entrar diretamente na briga pelos playoffs, mas a torcida não parece animada para isso.

 

Imagem relacionada
Depois de começar a temporada passada como um dos candidatos ao acesso a Premier League, o Hull City novamente flertou com a zona de rebaixamento e brigou até o fim para escapar da degola e ficar no meio da tabela.
Alguns jogadores experientes deixaram o clube e novos reforços chegaram para ajudar os tigres a conseguir chegar ao play-offs nesta temporada.
Sem paz na relação entre donos e torcida, e com um técnico em decadência já há algum tempo, o Hull precisará de muita competência para não ficar no meio da tabela de novo.

 

Imagem relacionada
Time há mais tempo na Championship, o Ipswich se prepara para dar início a sua 17ª temporada seguida na segunda divisão, sempre fazendo campanhas regulares, nem brigando por acesso e nem para cair, a expectativa é que o cenário se repita com o Town ficando no meio da tabela.
Após longas temporadas, o treinador Mick McCarthy deixou a equipe e seu sucessor, Paul Hurst, vem tarimbado pelo seu trabalho no Shrewsbury.

 

Na Bet365 você encontra todos os jogos e apostas a longo prazo e prévias de possíves equipes que vão conquistar o acesso ou serem rebaixadas.

 

 

 

 

 

 

 

 

 




Casas de apostas

188BET

Bônus

R$200

Ganhar
Bet365

Bônus

R$200

Ganhar
Rivalo

Bônus

R$777

Ganhar
10Bet

Bônus

R$400

Ganhar
NetBet

Bônus

R$200

Ganhar
Betboro

Bônus

R$500

Ganhar


Outros Artigos