TUDO SOBRE O AVAÍ PARA O CATARINENSE EM 2018.







 

TUDO SOBRE O AVAÍ PARA O CATARINENSE EM 2018.

Dia 17 de janeiro começa o Campeonato Catarinense da 1ª divisão. O adversário do Avaí é a equipe do Internacional de Lages. A curiosidade desse ano está na fórmula de disputa. Por ora a competição será com fórmula de pontos corridos, com 18 rodadas em turno e returno. Terá uma final se for encontrada data para o jogo! O motivo foi que a CBF enxugou o calendário do primeiro semestre por conta da disputa da Copa do Mundo na Rússia. Mas ainda há esperança de uma data extra para realização da decisão.

 

TEMPORADA EM 2017

A decepção ficou por conta do rebaixamento para série B do Brasileirão.

Campeonato Catarinense:


 

Copa do Brasil: Foi eliminado na 2ª fase.


 

1ª Liga: Desclassificado na fase de grupos.


 

Campeonato Brasileiro Série A: Não conseguiu escapar do rebaixamento.


Estatísticas do Avaí em 2017.


Estatísticas dos Jogadores:


 

Estatística Geral do Avaí:



ATLETAS QUE JOGARAM EM 2017 E NÃO JOGARÃO MAIS EM 2018.


 

O QUE ESPERAR DE 2018?

Ser criativo e não errar. Essa é a prioridade da diretoria do Avaí em 2018 com relação à montagem do elenco, em um ano que o clube volta a disputar a Série B do Brasileiro. A queda financeira de R$ 30 milhões em relação à temporada 2017 fará falta, mas o clube busca formas de se reinventar para ter um time competitivo e voltar para a elite nacional.

De contrato renovado até o fim de 2018, o gerente de futebol Agnello Gonçalves falou sobre os desafios do Leão da Ilha. Para voltar à Série A (prioridade do ano), o time tem metas traçadas para encerrar a temporada com o objetivo alcançado. Além de priorizar a venda de atletas das categorias da base para fazer caixa, o mercado sul-americano também terá atenção especial no clube azurra.

O presidente me fez alguns pedidos, de eu intensificar os contatos com minha rede de contatos, não só internamente, mas também na América do Sul. Buscar atletas jovens, com bom nível de competitividade. Há vários casos de atletas baratos e que deram retorno dentro de campo e também na parte financeira. É um mercado amplo e com boas possibilidades - disse Agnello.

Perfil dos reforços: Temos que ir atrás de boas oporturnidades. Atletas que estão em baixa no mercado, que chegam sem vínculo com nenhum clube e o Avaí entram com o salário. O Júnior Dutra é um bom exemplo disso. Estava esquecido, chegou sem custos e se destacou no Brasileiro. É nisso que estamos focado. Até agora, nossos reforços estão neste perfil.

Busca pelo camisa 9: Apresentei dois a três nomes do mercado interno para o treinador, outros dois do mercado sul-americano e estamos na fase de tratativas. Analisando as perspectivas. Para o início do estadual, entendemos que temos atletas para suprir as saídas. Vamos analisando jogo a jogo, olhar bem o mercado. Não podemos errar, temos que ser pontuais e inteligentes.

Categoria de base: Vamos subir quatro jogadores que irão iniciar a pré-temporada com o grupo. Os goleiros Léo e Cláudio Vitor, o lateral Guga e o atacante Jô. Tem ainda o atacante Getúlio, que estamos com um impasse no contrato, mas ele também deve ser promovido. Nossa ideia é dar bagagem para eles para tentar uma futura venda. Divulgar bem o material.

Pré-temporada: Temos 30 jogadores no elenco e boas apostas que já vinham treinando com o grupo principal, como o volante Menezes, que terá oportunidades, principalmente após a saída do Simião. Estamos bem estruturados, atletas experientes como o Betão, Alemão, Marquinhos, entre outros. Claro que vamos sempre em busca de melhorar, mas o Claudinei Oliveira está satisfeito com o que tem.

Manutenção do trabalho: O presidente passou a dificuldade financeira que o clube vai ter, mas vamos superar isso com trabalho. Ele entendeu que o trabalho foi bem desenvolvido, por isso manteve todos da diretoria e comissão técnica. O Avaí está tendo uma atitude inovadora no mercado. É um exemplo para outros clubes, pois analisa o trabalho e não o resultado. Estou satisfeito com nossa estrutura, tenho uma boa identidade com o clube, boa relação com os funcionários. Nosso anseio é sempre melhorar. (GE Avaí)


COMISSÃO TÉCNICA DE 2108.


Elenco do Avaí de 2018:


QUEM CHEGA:

O Avaí apresentou dois reforços na manhã desta terça-feira (09/01): o goleiro Rubinho e o lateral Cametá. Rubinho tem 35 anos e começou a carreira no Corinthians. Irmão do ex-jogador e hoje comentarista Zé Elias, o goleiro passou a maior parte da sua carreira na Itália, vestindo as camisas de Verona, Genoa, Palermo, Livorno, Como, Torino e Juventus. Apesar de experiente, Rubinho pouco atuou nos últimos anos, com apenas dois jogos pela Velha Senhora e outros dois pelo Genoa, desde 2012.

O lateral direito Tiago Cametá estava na ativa no Ceará em 2017, com 45 jogos realizados na última temporada. O jogador tem passagens por Remo, Ponte Preta, Vila Nova e Fortaleza. Através das redes sociais, o Avaí anunciou a chegada do atacante argentino Alejandro Martinuccio, que em 2017 defendeu a Chapecoense. Martinuccio fez apenas quatro jogos pelo Verdão do Oeste no ano, e deixou o time por criticar a falta de minutos em campo nas redes sociais. O jogador tem 30 anos e chegou ao Brasil em 2011, para defender o Fluminense, após destaque no Peñarol vice-campeão da Libertadores daquele ano. O atacante sofreu com alguns problemas físicos e jogou pouco por onde passou. No currículo, soma passagens por Villarreal, Cruzeiro e Coritiba.

O Avaí anunciou mais um reforço para o ano de 2018. André Moritz, meia de 31 anos de idade, assinou pelo Leão. O jogador já havia atuado no Avaí nas categorias de base, mas foi no Internacional, e depois no Fluminense, que atuou como profissional no Brasil. Em 2007, Moritz deixou o país e percorreu o mundo. Jogou na Turquia por sete temporadas, além de ter passado por Inglaterra, Índia, Coreia do Sul e Tailândia. (GE Avaí)


Pré-Temporada:

O Avaí inicia a semana com trabalho em dois períodos na pré-temporada em Águas Mornas, na Grande Florianópolis. Os trabalhos físicos seguem em ritmo forte, mas a partir de agora o técnico Claudinei Oliveira também vai intensificar a parte com bola, trabalhos técnicos e táticos. Será uma semana importante, pois a estreia no Catarinense está próxima, na outra quarta-feira (17), em Lages, diante do Internacional.

A expectativa é para a metade da semana em diante o técnico já começar a pensar na formação para o início da competição e faça um jogo treino no fim de semana. Nesta terça-feira (9), o goleiro Rubinho será apresentado à imprensa. Neste domingo, os atletas realizaram trabalhos específicos, técnicos e com bola, principalmente os goleiros, uma vez que trabalham Kozlinski e Rubinho, este recém chegado para reforçar o Leão da Ilha, além de dois goleiros do Sub-17, Cláudio Vitor e Léo. O goleiro Léo Lopes, que está na disputa da Copa São Paulo de Futebol Junior, será incorporado ao profissional logo depois da competição Sub-20.

São 29 atletas convocados para a pré-temporada, concentrados no Águas Mornas Palace Hotel e com atividades em gramados pré-selecionados pela direção de futebol, nas proximidades. Atualmente o gramado do Beira Rio é o principal em uso pelo Avaí, como nos trabalhos deste domingo. (Assessoria Imprensa)

Principal contratação:


Vídeo do Alejandro Martinuccio.

 

 

 




Casas de apostas

188BET

Bônus

R$300

Ganhar
Bet365

Bônus

R$200

Ganhar
Rivalo

Bônus

R$777

Ganhar
10Bet

Bônus

R$400

Ganhar
NetBet

Bônus

R$200

Ganhar
Betboro

Bônus

R$500

Ganhar