Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano Data: 13/06/2018 (Quarta-Feira) às 23:05 Bet365
Beisebol

MLB: Houston Astros (Gerrit Cole) x Oakland Athletics (Paul Blackburn)

Odd: 2,85
Stake: 5/10

Status: Perdida

Publicado em 13/06/2018 às 20:40

Atuais campeões e em uma sequência de vitórias, os Astros visitam os Athletics pelo 2° jogo de uma série de três partidas. 

Local do evento: Oakland - Califórnia

Os Astros venceram o jogo de abertura da série na noite de ontem por 6x3. O total, que havia sido definido em 8,5, terminou em over. Na temporada, as equipes já se enfrentaram sete vezes, com seis vitórias dos Astros. Os totais ficaram em 4-2-1 O/U. 

O Oakland Coliseum é um under park, com total base de 7,5, que pode variar dependendo do matchup e/ou das condições climáticas. O campo não suprime home runs, mas tende a ter baixas pontuações devido a uma enorme zona de foul ball. Hoje os ventos forte a 14mph em direção ao campo central, com temperatura de 19°C e umidade do ar na casa de 65%. Céu limpo e sem previsão de chuva durante o jogo. 

Atuais campeões, os Astros (43-25 W/L) já somam seis vitórias consecutivas, maior sequência ativa na liga. Apesar disso, o time ocupa a 2° colocação na divisão West da Liga Americana, 0,5 jogo atrás dos líderes Seattle Mariners. 

Gerrit Cole (RHP, 7-1 W/L e ERA 2.16) arremessou como um ace legitimo no início da temporada, mas apesar de manter um excelente ERA, ele caiu de produção no último mês, com seus strikeouts diminuindo e os walks subindo. Cole tem sido mais propicio a ceder flyballs nessa temporada, mas não sofreu muitos home runs até o momento. O arremessador abandonou seu sinker e tem feito mais uso de seus arremessos secundários, como o slider e o curveball. Seu BABIP .249 tende a regredir e Cole provavelmente não será tão efetivo no restante da temporada quanto foi até aqui. 

O ataque segue muito produtivo, com média de 5,4 corridas por jogo e linha de: 306/364/500 (AVG/OBP/SLG) ao longo das últimas sete partidas disputadas. George Springer, Carlos Correa, Jose Altuve e Yulieski Gurriel formam provavelmente o melhor combo de rebatedores de 1 a 4 na liga e Evan Gattis e Marwin Gonzalez subiram muito de produção após um início ruim de temporada. 

O bullpen já foi responsável por alguns resultados ruins dos Astros, mas os números gerais da unidade são ótimos, com o time tendo ERA conjunto de 2.94. Ken Giles e Will Harris seguem como os pontos fracos da unidade, mas: Hector Rondon, Tony Sipp, Collin McHugh e Chris Devenski seguem um núcleo muito sólido de relievers. 

A defesa foi o setor mais fraco da equipe na campanha do título no ano passado, mas isso ficou para trás e os Astros estão apresentando uma forte defesa esse ano. Alex Bregman ainda é ponto fraco do setor, tendo um DRS -7 na 3B, mas as produções de: Josh Reddick, Jake Marisnick e Carlos Correa estão compensando as deficiências defensivas de alguns membros do time. Na posição de catcher, Brian McCann não tem adicionado muito e o time fica mais forte quando o novato Max Stassi é escalado na função. 

Os Athletics (34-33 W/L) seguem com uma campanha próxima aos 50% de aproveitamento e foram 5-5 W/L ao longo de suas últimas dez partidas disputadas. A equipe é a 4° colocada na divisão West da Liga Americana, 8,5 jogos atrás dos adversários de hoje. 

Paul Blackburn (RHP, 1-0 W/L e ERA 1.50) retornou de lesão na última semana e fez um bom começo contra os Royals, indo 6.0 IP, cedendo apenas 3 hits e uma corrida. O arremessador tem um ERA 3.18 na carreira ao longo de 64.2 IP mas nada sugere que ele possa manter um ERA tão baixo, já que apesar de forçar muitas groundballs, o arremessador tem uma taxa de strikeouts baixíssima, que não costuma ser sustentar arremessadores no nível da MLB. Blackburn no entanto, tem forçado infield fly balls em 24,8% das bolas rebatidas contra ele, o que explica em parte a forma como o arremessador supera seus periféricos. 

O ataque vinha bem mas caiu um pouco nos últimos jogos, com o time anotando média de apenas 3,3 corridas e linha de: 253/307/373 (AVG/OBP/SLG) ao longo das últimas sete partidas. Matt Chapman e Matt Olson vivem ótimo momento no bastão e Dustin Fowler tem sido bastante produtivo atuando como leadoff desde que recebeu a promoção da Trilple-A, já: 
Jed Lowrie, Marcus Semien e Jonathan Lucroy produziram pouco no último mês. 

O bullpen tem sido uma unidade segura nos A’s na maior parte do tempo, a equipe é 14-7 W/L em jogos decididos pela unidade e segurou a vantagem em 76,2% das vezes em que esteve vencendo por três ou menos corridas após a 7° entrada. Blake Treinen é grande destaque do bullpen dos A’s, se apresentando como um closer dominante esse ano, com ERA 0.87 ao longo de 31 IP de serviço. Chris Hatcher, Daniel Coulombe e Yusmeiro Petit também fazem um trabalho sólido na unidade. 

Matt Chapman tem sido incrível na 3B, salvando 18 corridas na temporada até o momento pela métrica de DRS, além de Chapman, Dustin Fowler e Marcus Semien estão jogando boa defesa para os A’s esse ano, o que faz com que a equipe seja forte defensivamente no geral. Na posição de catcher, Jonathan Lucroy voltou a ter um enquadramento de arremessos positivo, mas tem sido péssimo bloqueando arremessos, com 32 wild pitchs 5 passed balls lançados na direção dele na temporada. 

Alan Porter (4-8 O/U) será o umpire do home plate. Porter teve números de over umpire nas duas últimas temporadas, mas esse ano os seus jogos tiveram média de apenas 7,9 corridas e ele possui uma relação SO/Walks de 2.81. 

Linha Projetada: A's 1.93/Astros 2.08
Total Projetado: 7

Onde está o valor?

Blackburn é uma espécie rara de arremessador, da qual os oddmakers tem extrema dificuldade para quantificar o talento. Eu já defendi que ele não seria efetivo, mas de alguma forma sua habilidade de forçar infield fly balls parece verdadeira, o que o torno um pitcher bastante interessante já que ela vem junto com uma alta taxa de groundballs forçadas. Cole foi excelente no primeiro mês da temporada, mas voltou ao normal recentemente, sendo ainda um ótimo arremessador mas não mais um ace legitimo. Os A’s foram varridos pelos Astros na última série disputada entre as equipes e perderam o primeiro jogo dessa série, devendo ter uma motivação extra para esse jogo. Minha projeção é bem mais próxima do que a odd disponível nos sportbooks e vejo um grande valor para apoiar os A’s nesse jogo. 

Aposta: Oakland Athletics ML @2.85 na Bet365
 



Apostar na Bet365 Bet365




Casas de apostas

188BET

Bônus

R$200

Ganhar
Bet365

Bônus

R$200

Ganhar
Rivalo

Bônus

R$777

Ganhar
10Bet

Bônus

R$400

Ganhar
NetBet

Bônus

R$200

Ganhar
Betboro

Bônus

R$500

Ganhar



Outras Dicas

Perdida

Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano

12/08/2018

Stake (confiança)

(5 de 10)

Mercado: 1 x 2 | Odd 2.20

LEIA MAIS

Ganha

Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano

12/08/2018

Stake (confiança)

(5 de 10)

Mercado: 1 x 2 | Odd 1.76

LEIA MAIS

Perdida

Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano

12/08/2018

MLB: Sunday Night Baseball - Washington Nationals (Max Scherzer) x Chicago Cubs (Cole Hamels)

Baseball, 12/08, Início às 21:00 e transmissão ao vivo pela ESPN

Stake (confiança)

(5 de 10)

Mercado: 1 x 2 | Odd 1.77

LEIA MAIS