MLB: Saint Louis Cardinals (Lance Lynn) x Cincinnati Reds (Luis Castillo)


por: Gustavo Zambrano


Rivais de divisão, Cardinals e Reds se enfrentam no Great American Ball Park pelo segundo jogo da série. 

MLB: Saint Louis Cardinals (Lance Lynn) x Cincinnati Reds (Luis Castillo)
Data: 05/08/2017 às 20:10 (horário de Brasília)
Local do evento: Cincinnati – Ohio
Estádio: Great American Ball Park
Dica de aposta 1: Cincinnati Reds ML @1.77 
Dica de aposta 2:  Under 8,5 @1.98 
Casa de aposta: 188Bet188Bet
Stake: 1 und em cada (Bank dividido por 60 unidades)

Joey Votto impulssinou duas corridas e Asher Wojciechowski esteve bem no montinho, ajudando os Reds a superar os Cardinals por 3x2 na partida que abriu a série. O total que havia sido definido em 9,5, terminou em under. 

Os Cardinals (53-56 W/L) perderam seus dois últimos jogos disputados e foram apenas 5-5 W/L ao longo das últimas dez partidas. A equipe ocupa a 3° colocação da divisão Central na Liga Nacional, 4,5 jogos atrás dos líderes Chicago Cubs. 

Apoiado por uma defesa que cresceu de produção, Lance Lynn (RHP, 9-6 W/L e ERA 3.20) permitiu um aproveitamento de apenas .191 para os rebatedores adversários ao longo do último mês. Lynn porém, tem conseguido bem menos strikeouts nessa temporada e seu controle permanece um pouco abaixo da média. O arremessador mantém a tendência de ser bem mais efetivo contra rebatedores destros, que conseguiram linha de apenas: 180/244/331 (AVG/OBP/SLG) contra ele nessa temporada, ao ponto em que canhotos rebateram: 242/339/457 (AVG/OBP/SLG). Lynn também tende a ser menos efetivo fora de casa, onde tem ERA 3.74 esse ano em comparação com 2.58 no Busch Stadium.     

Os Cardinals são frios no bastão e produziram apenas 2,1 corridas em média por partida ao longo dos últimos sete jogos, com linha de: 227/293/298 (AVG/OBP/SLG) no período. Jedd Gyorko tem feito uma péssima segunda metade de temporada e Kolten Wong e Paul DeJong são rebatedores abaixo da média. Matt Carpenter também não tem tido um ano tão bom, com aproveitamento de apenas .246 no bastão. 

O bullpen cresceu muito de produção ao longo da temporada e tem sido uma unidade de elite recentemente. Trevor Rosenthal faz um ótimo ano e Tyler Lyons, Samuel Tuivailala e Seung Hwan Oh foram sólidos quando acionados nas últimas partidas. 

A defesa começou mal a temporada, mas foi subindo de produção e os Cardinals agora lideram a liga em corridas salvas, com 51 segundo a métrica de DRS. Paul DeJong tem sido um defensor de elite na posição e shortstop e Tommy Pham evoluiu muito defensivamente no campo externo. 

Os Reds (45-64 W/L) vivem uma boa fase e venceram quatro de seus últimos cinco jogos disputados. A equipe porém, ainda possui aproveitamento de apenas 41,3% na temporada e ocupa a última colocação da divisão Central na Liga Nacional. 

Luis Castillo (RHP, 2-4 W/L e ERA 3.56) tem feito uma boa temporada de estreia na MLB. O jogador tem uma excelente taxa de strikeouts de 9.56, gerando swings no vazio em 11,7% de seus arremessos. Sua bola rápida atinge 97.8mph e o pitcher trabalha com um changeup e com um slider como seus dois arremessos secundários. 

Com Scott Schebler e Zack Cozart fora de ação, o ataque dos Reds caiu bastante de produção na segunda metade da temporada. Billy Hamilton tem sido mais consistente e Eugenio Suarez vive um boa fase, mas Adam Duvall, Scooter Gennett e Jose Peraza já não estão produzindo tanto. 

O bullpen dos Reds tem sido bom esse ano, convertendo 71% das oportunidades de save e com os relievers marcados por mais vitórias do que derrotas. Blake Wood e Wandy Peralta fazem boa temporada e Raisel Iglesias sustenta ERA 1.94, com 19 saves no ano. 

A defesa é a mais forte da liga e o time tem contado com Arismendy Alcantara como uma substituição defensiva de elite em várias posições, enquanto que: Billy Hamilton, Joey Votto, Eugenio Suarez, Scooter Gennett e Jose Peraza são todos ótimos defensores em suas posições. 

Lance Barrett (6-12 O/U) será o umpire do home plate. Barrett é um dos maiores under umpires da liga, com seus jogos tendo média de 8,5 corridas e sua relação SO/Walks sendo de 3.06. Além disso, o umpire chama strikes em 64,1% dos pitchs. 

O Great American Ball Park é um over park, com total base de 9, que pode variar dependendo do matchup e/ou das condições climáticas. Hoje os ventos sopram a 7mph em direção ao campo central, com temperatura de 25°C e umidade do ar na casa de 45%. Céu parcialmente nublado mas sem previsão de chuva durante a partida. 

Linha Projetado: Reds 1.74/Cardinals 2.35
Total Projetado: 5,5

Conclusão

Lynn simplesmente não é tão bom quanto tem aparentado e os Reds terão três canhotos entre os quatro primeiros rebatedores do lineup, levando dificuldades para o arremessador. O ataque dos Cardinals é bastante frio no momento e o time pouco deve fazer contra um Castillo que tem sido impressionante em sua temporada de estreia.       

Aposta 1: Cincinnati Reds ML @1.77 na 188Bet

Ainda que Lynn regrida, eu não vejo os Cardinals marcando muito sobre Castillo, que deve se beneficiar demais de ter Barrett como umpire do home plate, já que a zona de strike expandida do juiz, deve fazer com que Castilo consiga ainda mais strikeouts do que o habitual. Ambos bullpens são bons e também devem contribuir para cortar corridas no trecho final do jogo. 

Aposta 2: Under 8,5 @1.98 na 188Bet




Casas de apostas

188BET

Bônus

R$400

Ganhar
Bet365

Bônus

R$200

Ganhar
Rivalo

Bônus

R$500

Ganhar
10Bet

Bônus

R$300

Ganhar
NetBet

Bônus

R$200

Ganhar
Betboro

Bônus

U$500

Ganhar



  • Beisebol

    MLB: World Series 2017 - Houston Astros (Lance McCullers Jr.) x Los Angeles Dodgers (Yu Darvish) (Game 7)
  • Beisebol

    MLB: World Series 2017 - Houston Astros (Justin Verlander) x Los Angeles Dodgers (Rich Hill) (Game 6)
  • Beisebol

    MLB: World Series 2017 - Los Angeles Dodgers (Alex Wood) x Houston Astros (Charlie Morton) (Game 4)
  • Beisebol

    MLB: World Series 2017 - Los Angeles Dodgers (Yu Darvish) x Houston Astros (Lance McCullers Jr.) (Game3)