10 Previsões Ousadas para a Temporada 2018/19 da NBA







Esse ano tivemos um artigo de previsões ousadas para a NFL e um para MLB e é claro que a NBA não poderia ficar de fora. 

Artigos de previsões ousadas são comuns entre analistas americanos e seguindo a tendência, eu deixo aqui as minhas 10 previsões ousadas para a temporada 2018/19 da NBA, que terá início hoje, com uma rodada dupla.

01) Os Celtics não fazem jus ao hype e terminarão fora do top-3 da Conferência Leste!

Finalistas da Conferência Leste na última temporada, os Celtics agora são apontados como favoritos para vencer a Conferência por 1.83 na Bet365. Com a saída de LeBron James para os Los Angeles Lakers, o Leste ficou enfraquecido e é natural que os Celtics, que terão os retornos de: Gordon Hayward e Kyrie Irving sejam considerados como o sucessor natural dos Cleveland Cavaliers nas finais da NBA, com o time de Cleveland tendo disputado as últimas quatro decisões. Os Celtics obviamente são uma boa equipe, mas eu não acho que são tão fortes quanto parecem. O time tinha problemas na parte ofensiva no último ano, ainda que isso não tenha ficado evidente e não é possível dizer que Gordon Hayward será uma grande adição, já que o jogador está voltando de uma lesão grave e ficou um ano longe das quadras. Vejo os Raptors reforçados e os 76ers em ascensão como equipes melhores e a 3° posição ainda poderia ser preenchida por um time como os Wizards ou os Pacers. O recorde de Pitágoras dos Celtics no último ano, indica que eles venceram três partidas a mais do que deveriam e uma flutuação natural já faria eles terem uma campanha inferior à da temporada passada, ainda que muitos tenham a noção de que eles são um time melhor esse ano. 

02) Os Cavaliers irão aos playoffs!

Apesar de terem chegado as finais no último ano, os Cavaliers foram inconstantes durante toda a temporada e obviamente a saída de LeBron James torna esse time muito mais fraco. No entanto, eu não acho que eles sejam tão fracos a ponto de saírem da zona de playoffs em uma Conferência Leste pouco competitiva. A equipe possui um armador consistente em George Hill, bons pontuadores no banco e um garrafão que eu acredito que seja subestimado, já que Kevin Love ainda é um All-Star legitimo – mesmo que muitos pensem que ele está em declínio – e Tristan Thompson não deve ser tão inútil quanto na última temporada. Larry Nance Jr. e o recém chegado David Nwaba são dois jogadores mais subestimados da liga e trazem qualidade ao banco, com Nance JR. devendo ganhar minutos consistentes na rotação do garrafão. Os Cavaliers não irão a sua 5° final consecutiva, mas acredito que possam lutar pela 7° ou 8° vaga do Leste. 

03) Os Raptors terão o melhor recorde da liga!

Na última temporada, os Raptors terminaram com a 2° melhor campanha da NBA, com 72% de aproveitamento, o time também teve o 2° maior diferencial de pontos e a formula de Pitágoras aponta que eles deveriam ter tido uma vitória a mais do que conseguiram. O time possui um dos melhores bancos da NBA e a equipe agora terá Kawhi Leonard no lugar de DeMar DeRozan, além do eficiente Danny Green, que também chegou na troca que enviou DeRozan aos Spurs, no que me parece que eles serão ainda melhores do que no ano passado. A equipe também demitiu o técnico Dwane Casey, que apesar de ter ganho a premiação de melhor técnico da última temporada, teve consecutivos fracassos nos playoffs. Tudo isso não deve ser o suficiente para que esse time se torne o melhor da liga, mas a Conferência Leste é bem menos competitiva do que o Oeste, o que torna a tabela das equipes mais fácil e contra uma concorrência inferior a enfrentada por Warriors, Rockets e os outros bons times do Oeste, me parece sensato supor que os Raptors poderiam terminar com a melhor campanha geral. 

04) Os Hornets irão aos playoffs!

Os Hornets terminaram em 10° na Conferência Leste na temporada passada, perderam Dwight Howard na offseason e não se reforçaram com grandes nomes, exceto o veterano Tony Parker, que já está em fim de carreira e que não deve ser um grande contribuinte. A grande questão é que eles jogaram melhor do que o recorde da última temporada indica, com o time sendo o único no Leste a não chegar nos playoffs mesmo com um diferencial de pontos positivo e com a formula de Pitágoras apontando eles com seis vitórias a mais do que conseguiram na realidade. Parte do problema da equipe parecia ser o mau trabalho do técnico Steve Clifford, demitido ao final da última temporada. A perda de Dwight Howard não tem um grande impacto sobre o time, já que um recuperado Cody Zeller, que perdeu boa parte da última temporada lesionado, deve ter um impacto melhor do que Howard nesse ponto da carreira do center. Grande destaque do time, Kemba Walker também tende a continuar evoluindo e com um melhor trabalho da comissão técnica e uma flutuação natural no quesito sorte, esse time deve se parecer muito melhor do que era na última temporada. 

05) Jimmy Butler não será trocado e os Timberwolves serão uma surpresa!

Os Timberwolves se mantiveram entre os quatro primeiros colocados do Oeste durante boa parte da última temporada, até Jimmy Butler se lesionar e a equipe cair na classificação. Butler está insatisfeito na equipe e pediu para ser trocado durante a offseason, mas os Wolves não encontraram uma equipe disposta a pagar o preço que eles vinham exigindo e Butler foi reintegrado ao time para este início de temporada. Butler teceu duras críticas aos jovens Andrew Wiggins e Karl-Anthony Towns, causando uma mal estar no elenco. Bom, eu tenho dito que Andrew Wiggins é um péssimo jogador desde a sua temporada de calouro, no que me parece natural que Butler tenha percebido isso, agora sobre Towns, ele pode até ser preguiçoso, mas ele não é um defensor negativo sobre a ótica de nenhuma estatística avançada. Esse time já era bom na última temporada e me parece possível que eles comecem bem o ano e que Butler reconsidere sua decisão, com os Timberwolves completos, acredito que eles sejam uma das grandes forças da Conferência Oeste. 

06) Os Lakers não irão aos playoffs!

Fãs e analistas menos qualificados acreditam que os Lakers instantaneamente se tornaram um candidato ao título apenas com a adição de LeBron James e isso passa longe de ser verdade. A linha de corte da zona de classificação para os playoffs na Conferência Oeste foi de 47 vitórias na última temporada, sendo que muitas equipes sofreram com perdas importantes de jogadores lesionados. Considerando uma variação natural de duas vitórias para baixo, os Lakers precisariam melhorar 10 vitórias apenas para fazerem os playoffs nessa temporada. LeBron James é certamente um jogador de 10 vitórias, mas a conta não é tão simples quanto parece. Parte das vitórias conquistadas pela equipe vieram da produção de: Julius Randle, Brook Lopez e Larry Nance e todos eles deixaram o time, com o garrafão me parecendo bem mais fraco do que na última temporada. Lance Stephenson e Michael Beasley são jogadores negativos e também custarão vitórias ao time saindo do banco. LeBron James é um dos melhores jogadores da história e isso é inegável, mas eu não acho que ele sozinho torna essa equipe em um concorrente aos playoffs e vejo a formação da equipe com escolhas bastante equivocadas. 

07) Os Nets irão aos playoffs!

Os Nets ganharam apenas 28 jogos na última temporada, mas o time não era um concorrente e fez vários experimentos durante o último ano, com 19 jogadores diferentes ganhando minutos relevantes na equipe, muitos deles jogadores negativos e contribuintes para derrotas, com o péssimo Jahlil Okafor sendo o caso mais notável. Agora com a expectativa de utilizarem uma rotação mais enxuta, eu vejo bastante qualidade nessa equipe e acredito que eles possam ser uma das grandes surpresas dessa temporada. D'Angelo Russell é um jogador em ascensão, Jarrett Allen e Spencer Dinwiddie tiveram atuações surpreendentes no último ano, DeMarre Carroll, Rondae Hollis-Jefferson, Allen Crabbe e Joe Harris são jogadores sólidos e eu acho que o banco foi bem reforçado com: Ed Davis, Kenneth Faried e Shabazz Napier, sendo Davis em especial, uma máquina de rebotes ofensivos, tendo sua produção muitas vezes subestimada. 

08) Os Bulls terão o pior recorde da liga!

O consenso geral é de que os Bulls possuem uma equipe jovem e talentosa e de que eles podem crescer de produção nessa temporada. Jovens eles certamente são, agora eu não vejo o talento apontado por muitos analistas. Os Bulls tiveram o pior diferencial de pontos da Conferência Leste na última temporada e o recorde de Pitágoras deles aponta quatro vitórias a menos do que eles conseguiram, mostrando que existiu alguma sorte envolvida na construção do recorde da equipe. Parte das vitórias conseguidas pela equipe ainda vieram da curta produção de Nikola Mirotic, que foi incrível ao longo de 25 jogos pelo time antes de ser trocado para os Pelicans e de David Nwaba, que teve na sólida defesa uma grande contribuição e que agora é jogador dos Cavaliers. Eu acho bastante plausível apontar esse time como sendo pior do que na temporada passada e se eles tiveram azar podem perfeitamente terminar com o pior recorde da liga. Os Bulls possuem um plano bem definido, que é confiar na evolução de jovens jogadores, eu só não acho que esse plano seja gerenciado pelas pessoas certas e não acredito que eles terão êxito nessa reconstrução. 

09) DeMar DeRozan joga bem e os Spurs terminam com uma das quatro melhores campanhas do Oeste!


DeRozan é um jogador inferior a Kawhi Leonard e se isso não é consenso geral, deveria. Agora o que muitos estão esquecendo é que Leonard quase não jogou na última temporada e que o time ainda venceu 47 jogos sem ele, no que a adição de DeRozan deve ser considerada como uma grande reforço para um time que já era forte. Sob a tutela de Gregg Popovich e entrando em uma idade onde normalmente os jogadores atingem o auge, DeRozan pode liderar os Spurs até uma campanha superior a conseguida pelo time no ano passado. Marco Belinelli foi uma boa adição para o banco de reservas e eu também gosto de Jakob Poeltl, que poderá crescer de produção já que Popovich tem trabalhado muito bem com jogadores de garrafão ao longo dos últimos anos. 

10) Os Denver Nuggets despontam como uma força real no Oeste!

Acho que assim como Hornets e Raptors fizeram, os Nuggets se beneficiariam de demitir o técnico Michael Malone, mas diferente das duas equipes citadas, eles preferiram manter o treinador. Aos 22 anos, Nikola Jokic já é um dos melhores jogadores da liga, ainda que muitas vezes não seja citado como tal e os Nuggets possuem vários jogadores jovens notáveis, como: Will Barton, Jamal Murray e Gary Harris. Eu gosto da aposta em Isaiah Thomas e acredito que o armador possa recuperar sua forma atuando pelo time de Denver e com tantos jovens talentosos, já era esperada uma evolução natural dos Nuggets, que quase chegaram aos playoffs na última temporada. Acredito que eles serão uma grande surpresa e não descarto uma campanha boa o suficiente para colocar o time entre os quatro primeiros da Conferência. 
 




Casas de apostas

188BET

Bônus

R$200

Ganhar
Bet365

Bônus

R$200

Ganhar
Rivalo

Bônus

R$777

Ganhar
10Bet

Bônus

R$400

Ganhar
NetBet

Bônus

R$200

Ganhar
Betboro

Bônus

R$500

Ganhar


Outros Artigos