Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano Data: 17/10/2021 (Domingo) às 20:38 Betfair
Beisebol

Palpite: NLCS - Los Angeles Dodgers (Max Scherzer) x Atlanta Braves (Ian Anderson) - Game #2 - MLB Playoffs - 17/10

Odd: 1,91
Stake: 5/10

Status: Ganha

Publicado em 17/10/2021 às 10:25

Após um emocionante jogo #1, Los Angeles Dodgers e Atlanta Braves voltam a se enfrentar no Truist Park na noite deste domingo, pelo jogo #2 do Championship Series da Liga Nacional. A partida terá transmissão ao vivo para o Brasil pelo FoxSports2.

 Vs 

Local do evento: Atlanta - Geórgia

As equipes se enfrentaram seis vezes na temporada regular e os Dodgers venceram quatro das seis partidas. Quatro dos seis confrontos, terminaram em under. Os Braves venceram o jogo #1 dessa série em uma partida que não tinha favorito no ml, o total, definido em 8, terminou em under.

O Truist Park é um campo neutro para totais, com total base de 8, que pode variar dependendo do matchup e/ou das condições climáticas. Hoje, os ventos sopram fortes a 9mph em direção ao campo central, com temperatura de 16°C e umidade do ar em 44%. Céu aberto e sem previsão de chuva durante a partida.

Jerry Meals (21-9 O/U) será o umpire do home plate. Meals foi um dos maiores over umpires dessa temporada, chamando strikes em apenas 63,1% dos arremessos, com relação SO/Walks de 2.13. Seus jogos tiveram média de 10,7 corridas.

Os Dodgers (0-1 W/L na série) mantiveram o jogo #1 disputado, mas acabaram derrotados pelos Braves na 9° entrada, saindo em desvantagem nessa série. Atuais campeões da World Series, os Dodgers venceram 105 partidas na temporada regular, mas não possuem a vantagem do mando de campo nessa série, por não terem sido campeões de sua divisão, enquanto os Braves conquistaram a divisão East. Após essa partida, a série se mudará para três jogos em Los Angeles. 

Max Scherzer (RHP, 15-4 W/L e ERA 2.46) será o starter dos Dodgers. Um dos melhores arremessadores da MLB, Max Scherzer foi trocado dos Washington Nationals para os Los Angeles Dodgers no início de agosto e na temporada regular, se manteve invicto por sua nova equipe, com os Dodgers vencendo os 11 jogos iniciados pelo arremessador. Scherzer terminou a temporada regular com sua taxa mais baixa de strikeouts desde 2016, mas ainda eliminou 34,1% dos rebatedores enfrentados por strikeouts e cedeu walks para apenas 5,2%. O pitcher mantém um repertório de arremessos com: bola rápida, cutter, changeup, slider e curveball, com sua combinação de bola rápida e slider sendo bastante efetiva. Por conta do excelente slider, Scherzer costuma se sair melhor contra rebatedores destros do que contra canhotos, mas ainda limitou canhotos a uma linha de apenas: 192/266/331 (AVG/OBP/SLG) durante a temporada regular. O arremessador começou dois jogos nessa pós-temporada e também foi utilizado como reliever no jogo #5 da série contra os Giants. Scherzer teve alguns problemas de controle no jogo de Wild Card contra os Cardinals, mas foi dominante no jogo #3 da série contra os Giants, conseguindo 10 strikeouts e cedendo apenas uma corrida em 7.0 IP, os Dodgers, porém, foram derrotados por 1x0 naquela partida. Scherzer enfrentou os Braves duas vezes na temporada regular, com ERA 3.00 em 12.0 IP, conseguindo 18 strikeouts e não cedendo walks ao longo de dois confrontos.

Os rebatedores combinaram para 10 hits no jogo de ontem, mas a equipe anotou apenas duas corridas. Um dos melhores ataques da temporada regular, o time tem sentido falta de Max Muncy, que liderou a equipe com 36 home runs na temporada, mas que tem sido desfalque nos playoffs devido a uma lesão no cotovelo. Em sete partidas na pós-temporada, a equipe vem com média de 3,2 corridas por jogo e linha de: 247/298/374 (AVG/OBP/SLG). Will Smith vem quente e rebateu seu 3° home run dos playoffs na partida de ontem, enquanto Mookie Betts, Chris Taylor e Cody Bellinger também tiveram boas performances na pós-temporada até o momento. Trea Turner, porém, não tem chegado em base com frequência e Justin Turner vem mal nos playoffs, acumulando 7 strikeouts e possuindo linha de apenas: 107/167/214 (AVG/OBP/SLG) em três partidas.

O manager Dave Roberts optou por um combinado de bullpen na partida de ontem e apesar dos Dodgers terem sido derrotados, os relievers fizeram um bom trabalho. Corey Knebel, Phil Bickford, Justin Bruihl, Tony Gonsolin, Alex Vesia, Joe Kelly, Kenley Jansen e Blake Treinen combinaram para 8.1 IP, 14 K, 0 BB e 3 ER, com Knebel, Gonsolin e Treinen cedendo uma corrida cada. Em geral, os relievers fizeram um bom trabalho nos playoffs até o momento, com destaque para o closer Kenley Jansen, marcado com duas vitórias e que conseguiu 9 strikeouts em 4.0 IP, cedendo apenas um hit.

A defesa tem mostrado os mesmos problemas da temporada regular, Justin Turner e Corey Seager já cometeram um erro cada na pós-temporada e são pontos fracos no campo interno, enquanto que na ausência de Muncy, a equipe não tem um primeira base definido, e: Cody Bellinger, Albert Pujols e Matt Beaty já desempenharam a função nessa pós-temporada. Mookie Betts ainda é o destaque no campo externo e Chris Taylor, que ontem atuou no campo central, tem mostrado alguma evolução como defensor nos playoffs. O catcher Will Smith, que já havia mostrado dificuldades no controle dos corredores em base na temporada, permitiu 2 roubos de base na partida de ontem, mas Smith ainda tem sido sólido nos bloqueios e evoluiu em enquadramento de arremessos, gerando impacto positivo no quesito nessa temporada.

Após terem eliminado os Milwaukee Brewers em quatro jogos no Divisional Series, os Braves (1-0 W/L na série) vieram fortes e garantiram a vitória no jogo #1 na noite de ontem, superando os Dodgers por 3x2. A equipe atua novamente em casa hoje e depois viaja para a Califórnia, os próximos três jogos sendo no Dodger Stadium. A equipe busca disputar sua 1° World series desde a temporada de 1999. O time conquistou três títulos de World Series, o último em 1995.

Ian Anderson (RHP, 9-5 W/L e ERA 3.96) será o starter dos Braves. Arremessador de 23 anos e em sua 2° temporada na liga, Anderson foi um dos pontos eficientes da rotação de Atlanta, mas teve queda de produção na segunda metade da temporada, após se recuperar de uma lesão sofrida no mês de julho, que o tirou de campo até o final do mês de agosto. O arremessador tem problemas de controle, cedendo média de 3.72 walks a cada 9.0 IP e não consegue muitos strikeouts, com média de 8.70 a cada 9.0 IP, mas Anderson induz uma alta quantidade de groundballs e foi capaz de limitar hits durante a temporada regular. Anderson possui um repertório de arremessos com: bola rápida, changeup e curveball e não mostrou grandes divisões de desempenho contra rebatedores. O arremessador começou o jogo #3 do Divisional Series contra os Brewers e teve grande atuação, não cedendo corridas em 6.0 IP, com 6 strikeouts e 0 walks na partida. Anderson enfrentou os Dodgers uma vez na temporada regular e teve um fraco desempenho, cedendo 4 corridas em 4.1 IP, com 6 K e 3 BB.

Apesar do time ter ganho quatro de suas cinco partidas nos playoffs até o momento, o desempenho ofensivo não tem sido tão forte, com a equipe possuindo média de apenas 3,0 corridas por jogo e linha de: 226/293/365 (AVG/OBP/SLG) na pós-temporada. Austin Riley e Ozzie Albies combinaram para 4 hits no jogo de ontem e foram os dois pontos mais fortes do lineup nos playoffs até aqui, enquanto Joc Pederson já rebateu 2 home runs e Freddie Freeman e Eddie Rosario também tiveram boas performances. Travis d'Arnaud, porém, tem 8 strikeouts em 15 AB e Dansby Swanson apenas 3 hits em 18 AB. Jorge Soler, que também não vinha com grande produção, contraiu Covid e tem desfalcado o time.

O bullpen foi bastante instável na temporada regular e o manager Brian Snitker reduziu o tamanho da unidade para a disputa dos playoffs, tenod utilizado apenas seis relievers até o momento, sendo que vem optando por: Tyler Matzek, Luke Jackson e Will Smith na maior parte do tempo. Entre os relievers acionados por Snitker, apenas Huascar Ynoa já cedeu corridas na pós-temporada, enquanto Matzek tem sido o principal destaque, com 7 strikeouts em 5.1 IP. Smith herdou a vitória no jogo de ontem, tendo arremessado a 9° entrada.

Joc Pederson conseguiu uma assistência para uma eliminação na terceira base no jogo de ontem e tem se saído melhor como defensor no campo direito, enquanto Adam Duvall não tem tanto alcance no campo central, mas também tem se mantido sólido. Austin Riley tem pouco alcance na terceira base, mas também tem se mantido sólido na defesa e Dansby Swanson, que foi o ponto fraco da defesa de Atlanta na temporada regular, tem se saído bem nos playoffs, com a defesa não gerando muitos problemas ao time nessa pós-temporada. O catcher Travis d'Arnaud, já havia mostrado problemas no controle dos corredores em base durante a temporada regular e permitiu 2 roubos na partida de ontem. d'Arnaud, porém, é sólido nos bloqueios e faz um bom trabalho em enquadramento de arremessos, gerando impacto positivo no quesito.

Linha Projetada: Dodgers 1.79/Braves 2.27
Total Projetado: 7,5

Onde está o valor?  

Minha projeção de total é idêntica ao total atual dos sportbooks, mas por análise de matchup, gosto do over nessa partida. 

Scherzer é dominante e projetado para ter boa atuação contra um lineup dos Braves que foi apenas mediano na temporada regular e que não teve grandes performances até o momento nos playoffs, mas vejo Anderson sofrendo nessa partida, mesmo contra um ataque dos Dodgers que tem sido irregular na pós-temporada e que segue desfalcado de Max Muncy. 

Anderson tem problemas de controle, que devem ser agravados com Jerry Meals como umpire do home plate, com Meals possuindo uma zone de strike bastante estreita, enquanto o bullpen de Atlanta, reduzido para a disputa dos playoffs, não é tão confiável e se Anderson for retirado cedo, a unidade pode contribuir para o over cedendo corridas. Clima frio e baixa umidade do ar são condições desfavoráveis para jogos de alta pontuação, mas ao menos os ventos sopram para fora e de qualquer forma, o impacto do clima já está precificado na linha.

Aposta: Over 7,5 @1.91 na Betfair

MLB - Playoffs 2021

Recorde: 8-9-1 (47%), -2,03und
ODD Média: 1.94
ROI%: -11,3%
ML: 7-8 (46%), -1,98und
Totais: 1-1-1 (50%), -0,05und
Site: 6-7-1 (46%), -1,99und
Youtube: 2-2 (50%), -0,04und


Apostar na Betfair Betfair

🎁 Promoções Ativas Betfair



Faça parte do Telegram aposta10 para receber em primeira mão as melhores dicas e promoções.


Bônus R$ 200

9.4 (nossa avaliação)

A Betfair é o site de apostas favorito dos traders e de muitos apostadores em todo Mundo. Boa navegação, facilidade para depósitos e saques e boas odds são suas principais características.

apostar
Dezão

Quer receber nossos palpites
direto no seu celular ou e-mail?

Receber dicas no Telegram Receber dicas no meu e-mail Baixe nosso Ebook Grátis

Outras Dicas

Ganha

Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano

02/11 (Ter) às 21:09

Palpite: World Series - Atlanta Braves (Max Fried) x Houston Astros (Luis Garcia) - Game #6 - MLB - 02/11

Palpite para o jogo #6 da World Series entre Atlanta Braves e Houston Astros, com início às 21:09 e transmissão ao vivo pela ESPN.

Mercado: Over e Under | Odd 2.06

LEIA A DICA APOSTA

Perdida

Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano

31/10 (Dom) às 21:15

Palpite: World Series - Houston Astros (Framber Valdez) x Atlanta Braves (Tucker Davidson) - Game #5 - MLB - 31/10

Palpite para o jogo #5 da World Series entre Houston Astros e Atlanta Braves, com início às 21:15 e transmissão ao vivo pela ESPN.

Mercado: Over e Under | Odd 1.90

LEIA A DICA APOSTA

Perdida

Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano

30/10 (Sáb) às 21:09

Palpite: World Series - Houston Astros (Zack Greinke) x Atlanta Braves (Jesse Chavez) - Game #4 - MLB - 30/10

Palpite para o jogo #4 da World Series entre Houston Astros e Atlanta Braves, com início às 21:09 e transmissão ao vivo pela ESPN.

Mercado: 1 x 2 | Odd 1.95

LEIA A DICA APOSTA