Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano Data: 26/10/2021 (Terça-Feira) às 21:08 Betway
Beisebol

Palpite: World Series - Atlanta Braves (Charlie Morton) x Houston Astros (Framber Valdez) - Game #1 - MLB - 26/10

Odd: 1,74
Stake: 5/10

Status: Perdida

Publicado em 26/10/2021 às 16:52

Em partida que abre a World Series de 2021, Atlanta Braves e Houston Astros se enfrentam no Minute Maid Park na noite desta terça-feira. A partida terá transmissão ao vivo para o Brasil pela ESPN.

 Vs 

Local do evento: Houston - Texas

As equipes não se enfrentaram durante a temporada regular.

O Minute Maid Park é um campo neutro para totais, com total base de 8,5, que pode variar dependendo do matchup e/ou das condições climáticas. Rebatedores destros possuem vantagem nesse campo. O estádio possui um teto retrátil, que deve permanecer fechado nessa partida, anulando assim, o efeito da direção e intensidade dos ventos sobre o total. 

Chris Conroy (16-13 O/U) será o umpire do home plate. Conroy teve números de over umpire nessa temporada, chamando strikes em 63,4% dos arremessos, com relação SO/Walks de 2.59. Seus jogos tiveram média de 9,4 corridas.

Grande surpresa dos playoffs, os Braves (Seed #3 da Liga Nacional) superaram os Milwaukee Brewers e os atuais campeões Los Angeles Dodgers no caminho até a World Series, com campanha de 7-3 W/L na pós-temporada, após terem ganho 88 jogos na temporada regular. Fundados em 1871 como Boston Red Stockings, os Braves venceram três títulos de World Series, mas não chegavam na grande final desde a temporada de 1999, quando foram varridos em quatro jogos pelos New York Yankees. 

Charlie Morton (RHP, 14-6 W/L e ERA 3.34) será o starter dos Braves. Veterano com 14 temporadas de experiência na liga e com passagem pelos Astros, onde conquistou a World Series de 2017, Morton teve problemas no início da temporada regular, mas rapidamente se recuperou e foi um dos pontos mais sólidos da rotação de Atlanta. O arremessador recuperou velocidade em seus arremessos, mantendo média de 10.47 strikeouts a cada 9.0 IP aliada a um bom controle e baixa taxa de home runs permitidos. Utilizando um curveball em 36,7% de seus arremessos, Morton sustentou uma divisão inversa de desempenho contra rebatedores, limitando canhotos a uma linha de apenas: 183/273/295 (AVG/OBP/SLG), enquanto destros rebateram: 221/289/322 (AVG/OBP/SLG) contra ele. Nos playoffs, o arremessador iniciou três partidas, cedendo duas corridas em cada uma delas, com ERA 3.77, 19 strikeouts e 8 walks cedidos em 14.1 IP. 

Mesmo perdendo Ronald Acuna Jr por lesão, os Braves terminaram a temporada regular com média de 4,9 corridas por jogo, mas apesar de terem ganho as séries contra Brewers e Dodgers no caminho da World Series, oscilaram um pouco de produção no bastão, com média de 4,0 corridas por jogo e linha de: 250/319/407 (AVG/OBP/SLG), com os rebatedores combinando para 101 strikeouts sofridos na pós-temporada. Eddie Rosario, Freddie Freeman e Joc Pederson foram os pontos de maior produção do lineup nos playoffs, mas os três são rebatedores canhotos e menos efetivo contra LHP, com Pederson normalmente ficando fora do lineup nesses confrontos. Austin Riley também se manteve bem no bastão, mas Adam Duvall, rebatedor de potência, conseguiu apenas um home run em dez partidas, enquanto Ozzie Albies tem chegado pouco em base, Travis d'Arnaud vem com baixo aproveitamento e Dansby Swanson produziu linha de apenas: 237/237/263 (AVG/OBP/SLG) em 38 AB. 

O bullpen vem com ERA conjunto de 3.56 na pós-temporada, mas Brian Snitker tem feito uso de poucos relievers, com: Luke Jackson, Tyler Matzek, A.J. Minter e o closer Will Smith sendo o núcleo principal da unidade, sendo que Jackson cedeu um total de 5 corridas nas duas últimas partidas em que foi acionado, enquanto os outros três fizeram um trabalho sólido, com destaque para Smith, que soma 4 saves e que ainda não cedeu corridas na pós-temporada. Jesse Chavez, Jacob Webb, Chris Martin, Drew Smyly e Dylan Lee são outras opções de relievers para Snitker no bullpen, com Chavez tendo feito o papel de opener em um dos jogos da série contra os Dodgers, enquanto os outros combinaram para 8 corridas cedidas em 9.0 IP nos playoffs. 

A defesa teve dificuldades na temporada regular, mas parece ter melhorado nos playoffs e a equipe cometeu apenas um erro em dez partidas na pós-temporada. Adam Duvall, que hoje deve atuar no campo direito, com Guillermo Heredia entrando como defensor no campo centra, é o destaque do campo externo, enquanto Austin Riley evoluiu como defensor na terceira base e terminou a temporada regular com 13 corridas salvas pela métrica de DRS. Dansby Swanson, que foi um problema na posição de shortstop na temporada regular, terminando com -5 corridas salvas pela métrica de DRS, tem mostrado melhor alcance nos playoffs e esteve bem defensivamente até o momento.

Após terem sido eliminados no Championship Series pelos Tampa Bay Rays no ano passado, os Astros (Seed #2 da Liga Americana) estão de volta a grande decisão do baseball, disputando sua 3° World Series nos últimos cinco anos, ganhando o título em 2017 e sendo vice em 2019 em uma final contra os Washington Nationals. A equipe eliminou os Chicago White Sox e os Boston Red Sox no caminho até a World Series, com campanha de 7-3 W/L na pós-temporada, após terem ganho 95 jogos na temporada regular. Fundados em 1962 como Houston Colt .45s, os Astros venceram apenas uma World Series na história da franquia.

Framber Valdez (LHP, 11-6 W/L e ERA 3.14) será o starter dos Astros. Canhoto, Valdez utiliza uma combinação de sinker e curveball em seu repertório de arremessos, possuindo também um changeup de apoio e busca suas eliminações através de groundballs, com 70,3% das bolas que entraram em jogo contra ele na temporada regular, saindo rasteiras, o que faz com que o arremessador permita poucos home runs. Valdez tem controle abaixo da média e cedeu 3,88 walks em média a cada 9.0 IP na temporada, com média de 8,35 strikeouts a cada 9.0 IP, mas sua alta taxa de groundballs induzidos garante sua eficiência. Fazendo uso de um curveball bastante eficiente, Valdez não teve problemas contra rebatedores destros durante a temporada, limitando destros a uma linha de apenas: 219/305/321 (AVG/OBP/SLG). O arremessador iniciou três jogos nos playoffs, cedendo um total de 7 corridas em suas duas primeiras partidas, mas tendo grande performance no jogo #5 do Championship Series contra os Boston Red Sox, cedendo apenas uma corrida em 8.0 IP e conseguindo 5 strikeouts. 

No bastão, os Astros tiveram a maior média de corridas por jogo da liga na temporada regular, com 5,3 e se saíram ainda melhores nos playoffs, com média de 6,7 corridas por jogo e linha de: 281/353/443 (AVG/OBP/SLG) ao longo de dez partidas na pós-temporada. Kyle Tucker lidera o time com 4 home runs e 15 RBI, enquanto: Carlos Correa, Yuli Gurriel, Jose Altuve e Alex Bregman foram todos bastante efetivos no bastão até o momento. Michael Brantley vem com aproveitamento de .311, mas não chegou em base através de walks na pós-temporada e teve apenas duas rebatidas extra base. Rebatedor designado da equipe, Yordan Alvarez foi o principal destaque da equipe no bastão nessa pós-temporada, com linha de: 441/535/794 (AVG/OBP/SLG), conseguindo ao menos um hit em todas as seis partidas da série contra Boston. 

O bullpen, que oscilou de desempenho no início da temporada, mas que já havia mostrado melhora na segunda metade do ano, se saiu bem nas duas séries anteriores. Yimi Garcia, Brooks Raley e Jake Odorizzi não se saíram bem quando acionados, mas os Astros ainda sustentaram um ERA conjunto de 3.42 no bullpen, com o manager Dusty Baker utilizando: Phil Maton, Ryne Stanek, Kendall Graveman e Ryan Pressly nas situações mais importantes, todos com ERA inferior a 2.00 nos playoffs. Outro ponto forte do bullpen é Cristian Javier, que compôs a rotação na temporada regular e que tem sido utilizado como long reliever na pós-temporada, Javier foi acionado em três jogos, somando 13 strikeouts e não cedendo corridas em 7.2 IP.

A equipe já cometeu 6 erros nos playoffs, mas apesar do número elevado de erros, a defesa permanece eficiente. O campo externo, formado por: Michael Brantley, Chas McCormick e Kyle Tucker, é sólido defensivamente, mas o destaque da defesa é o campo interno, que conta com o shortstop Carlos Correa, que ainda não cometeu erros nos playoffs e que fechou a temporada regular com 21 corridas salvas pela métrica de DRS. Alex Bregman e Jose Altuve juntos, já cometeram 4 erros na pós-temporada, mas Yuli Gurriel segue fazendo um bom trabalho na primeira base. Vencedor do prêmio de Gold Glove na temporada de 2017, Martin Maldonado ainda é um catcher defensivo acima da média, controlando bem os corredores em base, sendo sólido nos bloqueios e gerando impacto positivo através de enquadramento de arremessos.

Linha Projetada: Astros 1.72/Braves 2.39
Total Projetado: 8

Onde está o valor?

Confira a análise em vídeo dessa partida no canal do Aposta10 no Youtube

Os Braves são uma grande história nessa temporada, superando a ausência de Ronald Acuna Jr. e chegando a sua 1° World Series desde a temporada de 1999, mas não vejo eles como superiores aos Astros nesse momento, que possuem maior profundidade de rebatedores e relievers e que tiveram melhor desempenho no ataque e no bullpen, tanto na temporada regular como até o momento nos playoffs. 

Morton e Valdez provavelmente se equivalem no montinho, mas enquanto os Astros eram projetados com um melhor ataque, os Braves costumam ter desempenho inferior contra arremessadores canhotos, com Eddie Rosario e Freddie Freeman sendo menos produtivos contra LHP e com Joc Pederson saindo da formação, no que Valdez possui vantagem de matchup sobre Morton, que tem se saído melhor contra rebatedores canhotos do que contra destros nessa temporada, mas que enfrentará um lineup com seis rebatedores destros em nove pontos e em um campo que os favorece. 

Minha projeção é muito próxima a odd atual dos sportbooks, mas vejo os Astros como uma melhor equipe e com um matchup favorável, no que vou apoiar os favoritos nesse jogo #1.

Aposta: Houston Astros ML @1.74 na Betway

MLB - Playoffs 2021

Recorde: 12-14-1 (46%), -3,23und
ODD Média: 1.91
ROI%: -12%
ML: 9-12 (42%), -4,09und
Totais: 3-2-1 (60%), +0,86und
Site: 9-11-1 (45%), -3,28und
Youtube: 3-3 (50%), +0,05und


Apostar na Betway Betway

🎁 Promoções Ativas Betway



Faça parte do Telegram aposta10 para receber em primeira mão as melhores dicas e promoções.


R$ 100 bônus

9 (nossa avaliação)

A Betway é uma consolidada casa de apostas européia. Seu site de apostas oferece diversos mercados para vários esportes e muitas promoções para novos e antigos clientes.

apostar
Dezão

Quer receber nossos palpites
direto no seu celular ou e-mail?

Receber dicas no Telegram Receber dicas no meu e-mail Baixe nosso Ebook Grátis

Outras Dicas

Ganha

Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano

02/11 (Ter) às 21:09

Palpite: World Series - Atlanta Braves (Max Fried) x Houston Astros (Luis Garcia) - Game #6 - MLB - 02/11

Palpite para o jogo #6 da World Series entre Atlanta Braves e Houston Astros, com início às 21:09 e transmissão ao vivo pela ESPN.

Mercado: Over e Under | Odd 2.06

LEIA A DICA APOSTA

Perdida

Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano

31/10 (Dom) às 21:15

Palpite: World Series - Houston Astros (Framber Valdez) x Atlanta Braves (Tucker Davidson) - Game #5 - MLB - 31/10

Palpite para o jogo #5 da World Series entre Houston Astros e Atlanta Braves, com início às 21:15 e transmissão ao vivo pela ESPN.

Mercado: Over e Under | Odd 1.90

LEIA A DICA APOSTA

Perdida

Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano

30/10 (Sáb) às 21:09

Palpite: World Series - Houston Astros (Zack Greinke) x Atlanta Braves (Jesse Chavez) - Game #4 - MLB - 30/10

Palpite para o jogo #4 da World Series entre Houston Astros e Atlanta Braves, com início às 21:09 e transmissão ao vivo pela ESPN.

Mercado: 1 x 2 | Odd 1.95

LEIA A DICA APOSTA