Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano Data: 30/10/2021 (Sábado) às 21:09 Pari Match
Beisebol

Palpite: World Series - Houston Astros (Zack Greinke) x Atlanta Braves (Jesse Chavez) - Game #4 - MLB - 30/10

Odd: 1,95
Stake: 5/10

Status: Perdida

Publicado em 30/10/2021 às 15:23

Em mais um capítulo da World Series, Houston Astros e Atlanta Braves se enfrentam na noite deste sábado no Truist Park pelo jogo #4 da decisão do baseball. A partida terá transmissão ao vivo para o Brasil pela ESPN.

 Vs 

Local do evento: Atlanta - Geórgia

As equipes não se enfrentaram durante a temporada regular. Os Braves venceram dois dos três primeiros jogos da série, sendo favoritos no jogo #3 e underdogs nas duas primeiras partidas. Dois dos três jogos, terminaram em under.

O Truist Park é campo neutro para totais, com total base de 8, que pode variar dependendo do matchup e/ou das condições climáticas. Hoje, os ventos sopram a 8mph em direção ao campo esquerdo, com temperatura de 12°C e umidade do ar em 81%. Céu nublado e com 26% de chances de garoa durante a partida.  

Dan Bellino (14-18 O/U) será o umpire do home plate. Bellino chamou strikes em 63,8% dos arremessos nessa temporada, com relação SO/Walks de 2.71. Seus jogos tiveram média de 8,4 corridas.

Após venceram o jogo #2 por 7x2, os Astros (1-2 W/L na série) foram derrotados ontem fora de casa por 2x0 no jogo #3, ficando em desvantagem na série novamente. A equipe precisa de ao menos uma vitória em duas partidas restantes fora de casa para levar a série novamente a Houston em um eventual jogo #6.

Zack Greinke (RHP, 11-6 W/L e ERA 4.16) será o starter dos Astros. Arremessador veterano de 38 anos, Greinke já havia mostrado indícios de declínio na última temporada e caiu ainda mais de produção esse ano, especialmente na segunda metade da temporada, postando ERA 5.34 pós All-Star Game. Seus arremessos não sofreram uma grande queda de velocidade em comparação com os últimos anos, mas perderam eficiência e Greinke viu sua média de strikeouts a cada 9.0 IP cair de 8.13 na carreira para 6.32 esse ano, enquanto o pitcher, que normalmente não sofria tanto com home runs, cedeu média de 1.58 home runs a cada 9.0 IP nessa temporada. Com um curveball ainda funcional, Greinke teve bom desempenho contra rebatedores canhotos, que conseguiram linha de apenas: 199/241/324 (AVG/OBP/SLG) contra ele na temporada regular, no entanto, mostrou muitos problemas contra destros, com seu slider se tornando pouco eficiente e com rebatedores destros rebatendo: 285/323/505 (AVG/OBP/SLG) contra ele, sendo responsáveis por 22 dos 30 home runs permitidos por Greinke na temporada regular. O arremessador tem sido pouco utilizado nos playoffs, com uma aparição como reliever no Divisional Series contra os Chicago White Sox e um início no Championship Series contra os Boston Red Sox, em que durou apenas 1.1 IP, cedendo duas corridas, não conseguindo strikeouts e cedendo 3 walks antes de ser retirado pelo manager Dusty Baker. 

O ataque teve sua pior exibição até o momento nesses playoffs durante a partida de ontem, jogo #3 dessa série, com os rebatedores conseguindo apenas 2 hits, com o 1° hit da equipe ocorrendo apenas na 8° entrada. Alex Bregman e Aledmys Diaz, que entrou como pinch hitter, foram os responsáveis pelos hits da equipe. O time, porém, ainda mantém média de 5,8 corridas por jogo e linha de: 263/337/410 (AVG/OBP/SLG) ao longo de 13 partidas na pós-temporada. Kyle Tucker e Jose Altuve já rebateram 4 home runs cada e Carlos Correa e Michael Brantley também estão com bom desempenho no bastão, enquanto Yordan Alvarez tem sido o grande destaque, com linha de: 381/509/714 (AVG/OBP/SLG) nos playoffs. Martin Maldonado permanece como o ponto mais fraco do lineup, acumulando 13 strikeouts, com apenas 2 hits em 37 AB. 

Dusty Baker acionou o bullpen logo na 4° entrada no jogo de ontem e apesar de Kendall Graveman ter sofrido um home run na parte baixa da 8° entrada, a unidade como um todo, esteve bem, com: Blake Taylor, Yimi Garcia, Brooks Raley e Ryne Stanek sendo acionados e não cedendo corridas. Baker também tem a sua disposição: Phil Maton, Cristian Javier e o closer Ryan Pressly, todos com bom desempenho nessa pós-temporada. Os Astros sustentam ERA conjunto de 2.89 no bullpen ao longo de 13 jogos nos playoffs. 

A defesa, que já tem 7 erros nos playoffs, tem feito um bom trabalho apesar da marca negativa e o setor se saiu bem na partida de ontem, com destaque para um mergulho de Kyle Tucker, que realizou uma grande defesa no campo central. Fora de casa com as regras da Liga Nacional, Dusty Baker precisou promover alterações no setor, movendo Tucker para o campo central e escalando Yordan Alvarez no campo esquerdo, o que enfraquece um pouco a defesa do campo externo, já que Alvarez, que faz o papel de DH nos jogos da Liga Americana, é um defensor abaixo da média, apesar de não ter prejudicado o time no jogo de ontem. No campo interno, o shortstop Carlos Correa ainda é o grande destaque, tendo terminado a temporada regular com 21 corridas salvas pela métrica de DRS. O catcher Martin Maldonado, também permanece como um dos bons defensores da equipe, controlando bem os corredores em base, sendo sólido nos bloqueios e acima da média em enquadramento de arremessos. 

Os Braves (2-1 W/L na série) confirmaram o mando de campo e venceram os Astros por 2x0 na noite de ontem, abrindo 2x1 na série. A equipe busca nova vitória hoje, que deixaria o time a apenas uma vitória em três jogos restantes de seu 1° título da World Series desde 1195.

Brian Snitker ainda não sinalizou qual arremessador começará a partida, mas é esperado que Jesse Chavez (RHP, 3-2 W/L e ERA 2.14) seja utilizado como opener de um jogo combinado de bullpen. Chavez já realizou essa função nos playoffs, iniciando o jogo #4 do Championship Series contra os Dodgers. Naquela partida, o arremessador foi responsável apenas pela 1° entrada, dando lugar a Drew Smyly, que compôs a rotação durante a temporada regular e que foi utilizado como long reliever naquela partida, cedendo duas corridas em 3.1 IP. Além de Chavez e Smyly, Snitker possui: Dylan Lee, Chris Martin, Jacob Webb e Kyle Wright a sua disposição no bullpen, com: Tyler Matzek, A.J. Minter, Luke Jackson e Will Smith, que foram utilizados na partida de ontem, também sendo opções. 

Não foi um grande desempenho dos rebatedores na partida de ontem, mas as duas corridas anotadas pela equipe acabaram sendo mais do que o necessário para a vitória. Os Braves estão com média de 3,8 corridas por jogo nos playoffs, com linha de: 249/317/408 (AVG/OBP/SLG). Travis d'Arnaud, que vem subindo de desempenho no bastão, rebateu um home run e conseguiu 2 hits no jogo de ontem, enquanto Austin Riley impulsionou a 1° corrida do time no jogo. Eddie Rosario e Freddie Freeman foram os pontos mais produtivos do lineup nos playoffs até o momento, com Rosario conseguindo 21 hits, enquanto Freeman vem com linha de: 289/421/533 (AVG/OBP/SLG). O ponto de menor produção do lineup tem sido Dansby Swanson, que vem com linha de: 234/280/255 (AVG/OBP/SLG) em 47 AB. 

O manager Brian Snitker recorreu ao núcleo principal do bullpen na partida de ontem e: A.J. Minter, Luke Jackson, Tyler Matzek e Will Smith combinaram para 4.0 IP, 3 K e 0 ER, com Smith conseguindo seu 5° save na pós-temporada. Jackson ainda mantém um ERA 5.87 nos playoffs, mas Minter, Matzek e Smith seguem com bom desempenho. A unidade, que ficará responsável pelo jogo de hoje, com Snitker optando por uma partida combinada de bullpen, vem com ERA conjunto de 3.18 na pós-temporada. 

A defesa vinha sendo bastante sólida na pós-temporada, mas apesar da vitória na partida de ontem, os Braves mostraram alguns problemas na parte defensiva. O 1° hit dos Astros veio em uma rebatida para o campo esquerdo, em que Eddie Rosario e Dansby Swanson tiveram um erro de comunicação, com a bola caindo entre os dois, enquanto o catcher Travis d'Arnaud foi creditado com um erro buscando evitar um roubo de base, mas foi Swanson que não conseguiu agarrar o lançamento. Jorge Soler, que retornou ao time após ter ficado afastado por Covid, é um defensor abaixo da média no campo direito, tornando o campo externo mais fraco defensivamente, enquanto Swanson vinha bem nos playoffs antes da partida de ontem, mas terminou a temporada regular com -5 corridas salvas pela métrica de DRS na posição de shortstop. O maior problema defensivo do time nos playoffs, porém, tem sido o catcher Travis d'Arnaud, que tem falhado nos bloqueios nessa série e que já permitiu 3 roubos de base, ainda que o de ontem não tenha sido necessariamente culpa dele.

Linha Projetada: Astros 1.92/Braves 2.08
Total Projetado: 8,5

Onde está o valor?

Os Braves ainda não relataram arremessador, no que é possível que o starter não seja Jesse Chavez, mas de qualquer forma, devem utilizar um combinado de bullpen, no que tanto a odd atual dos sportbooks, quanto a minha projeção, são baseadas em um matchup de Greinke contra um combinado de bullpen de Atlanta. 

Apoiei os Astros nas três primeiras partidas e sigo acreditando que eles são o lado de valor. Greinke em declínio, passa longe de ser um arremessador confiável, mas na minha visão, a produção esperada dele é equivalente a de um combinado de bullpen de Atlanta, sendo que Greinke possui uma vantagem de matchup, já que mesmo com o enorme declínio, ainda foi eficiente contra rebatedores canhotos nessa temporada e canhotos são os principais pontos de produção do lineup dos Braves. Mesmo que tenham saído zerados na partida de ontem, ainda tenho os Astros como um melhor ataque, o que me faz vê-los como favoritos nessa partida e com valor de aposta, mesmo com a odd atual não sendo tão distante da minha projeção.

Aposta: Houston Astros ML @1.95 na PariMatch

MLB - Playoffs 2021

Recorde: 13-16-2 (44%), -4,38und
ODD Média: 1.90
ROI%: -14,5%
ML: 10-14 (41%), -5,24und
Totais: 3-2-2 (60%), +0,86und
Site: 9-13-2 (40%), -4,78und
Youtube: 4-3 (57%), +0,40und




Faça parte do Telegram aposta10 para receber em primeira mão as melhores dicas e promoções.


R$ 1.000 Bônus

6.7 (nossa avaliação)

A Pari Match é uma casa de apostas relativamente nova aqui no Brasil, porém já tem anos de experiência em países como Ucrânia, Índia e outros 4 países.

apostar
Dezão

Quer receber nossos palpites
direto no seu celular ou e-mail?

Receber dicas no Telegram Receber dicas no meu e-mail Baixe nosso Ebook Grátis

Outras Dicas

Ganha

Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano

02/11 (Ter) às 21:09

Palpite: World Series - Atlanta Braves (Max Fried) x Houston Astros (Luis Garcia) - Game #6 - MLB - 02/11

Palpite para o jogo #6 da World Series entre Atlanta Braves e Houston Astros, com início às 21:09 e transmissão ao vivo pela ESPN.

Mercado: Over e Under | Odd 2.06

LEIA A DICA APOSTA

Perdida

Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano

31/10 (Dom) às 21:15

Palpite: World Series - Houston Astros (Framber Valdez) x Atlanta Braves (Tucker Davidson) - Game #5 - MLB - 31/10

Palpite para o jogo #5 da World Series entre Houston Astros e Atlanta Braves, com início às 21:15 e transmissão ao vivo pela ESPN.

Mercado: Over e Under | Odd 1.90

LEIA A DICA APOSTA

Perdida

Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano

29/10 (Sex) às 21:09

Palpite: World Series - Houston Astros (Luis Garcia) x Atlanta Braves (Ian Anderson) - Game #3 - MLB - 29/10

Palpite para o jogo #3 da World Series entre Houston Astros e Atlanta Braves, com início às 21:09 e transmissão ao vivo pela ESPN.

Mercado: 1 x 2 | Odd 1.95

LEIA A DICA APOSTA