Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano Data: 16/12/2019 (Segunda-Feira) às 22:15 Bet365
Futebol Americano

NFL: Monday Night Football - Indianapolis Colts x New Orleans Saints - 16/12

Odd: 1,90
Stake: 5/10

Status: Ganha

Publicado em 16/12/2019 às 19:33

Encerrando a semana 15 de jogos na NFL, Indianapolis Colts e New Orleans Saints se enfrentam pelo Monday Night Football. A partida terá transmissão ao vivo para o Brasil pela ESPN. 

Local do evento: New Orleans – Louisiana

As equipes decidiram um Super Bowl em 2009 e a última vez que se enfrentaram foi na temporada 2015/16, com vitória dos Saints fora de casa por 27x21, em partida que os Colts eram favoritos por 5 pontos no handicap. O total, definido em 52,5 naquela ocasião, terminou em under. 

O Mercedes-Benz Superdome é um estádio fechado, portanto, condições climáticas externas não influem diretamente na partida. 

Os Colts (6-7 W/L) foram derrotados fora de casa pelos Tampa Bay Buccaneers na semana 14 e agora somam três derrotas consecutivas, com apenas uma vitória nos últimos seis jogos. A equipe é a 3° colocada na AFC South, com aproveitamento de 46,2%. Após esse jogo, o time retorna à Indianapolis, recebendo os Carolina Panthers na semana 16. 

Jacoby Brissett tem sido um quarterback sólido para os Colts nessa temporada, apesar da sequência de derrotas da equipe. Brissett lançou para 2 touchdowns na derrota contra os Buccaneers na semana 14 e 18 passes para touchdown e apenas 6 interceptações na temporada, ostentando um rating de 93.2. A linha ofensiva tem feito um bom trabalho na proteção ao quarterback, com o setor tendo o lefty tackle Jacoby Brissett e lefty guard Quenton Nelson como destaques. O corpo de recebedores é o ponto fraco do ataque dos Colts e a equipe segue desfalcada do tigh end Eric Ebron, enquanto que T.Y. Hilton, principal wide receiver do time, não atuou no último jogo e é questionável para essa partida. Marcus Johnson     se destacou na última partida, realizando 3 recepções para um total de 105 jardas e um touchdown, enquanto que: Zach Pascal, o tigh end Jack Doyle e o running back Nyheim Hines, são algumas das outras opções de passe para Brissett. A equipe comandada pelo head coach Frank Reich, tem sido bastante disciplinada e o ataque é o que menos cometeu faltas até o momento, com apenas 68 penalidades na temporada. 

O time não conseguiu correr com consistência contra o bom front-seven dos Buccaneers na última partida, mas o jogo terrestre costuma funcionar bem no ataque dos Colts, com Marlon Mack tendo média de 4,4yds por carregada e 5 touchdowns na temporada e Jordan Wilkins sendo um bom apoio, recebendo 3 carregadas em média por partida com 5,5yds por tentativa de corrida. O quarterback Jacoby Brissett é móvel, mas não tem ganho tantas jardas quando opta pela corrida. 

A defesa tem sido o ponto fraco da equipe e os Colts permitiram 38 pontos para os Buccaneers na última partida, mesmo com os defensores conseguindo 3 interceptações e recuperando um fumble no jogo. O pass-rush tem funcionado na unidade comandada pelo coordenador defensivo Matt Eberflus, com Justin Houston liderando a equipe em sacks com 9, enquanto que Denico Autry e Jabaal Sheard também são ameaças pressionando os quarterbacks. O front-seven tem sido mediano na contenção ao jogo terrestre, permitindo 4,2yds em média por tentativa de corrida dos adversários, mas o linebacker Anthony Walker tem feito um bom trabalho parando corridas e o safety novato Khari Willis também vem bem desde que se tornou titular. O problema da equipe tem sido a secundária, o safety Malik Hooker ainda vem muito bem e conseguiu uma interceptação no último jogo, enquanto que o linebacker Darius Leonard é bom na cobertura de passes e teve 2 interceptações na última partida, os cornerbacks: Pierre Desir, Kenny Moore II e Rock Ya-Sin porém, estão tendo uma temporada fraca e Moore é questionável para esse jogo. A equipe tem permitido que os quarterbacks adversários completem 69,2% de suas tentativas de passe, com rating médio de 97.4. 

Principais retornadores da equipe, Chester Rogers e Parris Campbell estão lesionados. Zach Pascal quando utilizado como retornador de kickoffs produziu bem, com média de 26,3yds por tentativa de retorno, enquanto que Nyheim Hines tem média de 16,5yds em quatro tentativas de retorno de punt. O special team tem feito um bom trabalho na cobertura dos chutes, permitindo poucos retornos explosivos para os oponentes. O kicker veterano Adam Vinatieri está lesionado, Chase McLaughlin foi contratado para o seu lugar, tendo convertido duas de três tentativas de field goal na última partida. O punter Rigoberto Sanchez, tem alcance mediano em seus chutes, mas tem sido muito preciso, com apenas um touchback na temporada. 

Em uma partida emocionante decidida em um field goal com cronometro zerado, os Saints (10-3 W/L) acabaram derrotados em casa pelos 49ers na semana 14, perda que colocou fim a uma sequência de três vitórias consecutivas da equipe. O time lidera a NFC South e já garantiu o título da divisão, mas ainda luta pela melhor campanha da NFC e direito a uma bye week no Wild-Card Round dos Playoffs. Após esse jogo, o time viaja para o Tennessee, onde enfrentará os Titans na semana 16. 

Drew Brees lançou para 5 touchdowns na partida contra os 49ers e apesar de ter perdido alguns jogos por conta de lesão, tem feito outra ótima temporada, com 17 touchdowns, 4 interceptações e rating de 109.5. Brees quase não foi pressionado no último jogo e tem sido bem protegido por sua linha ofensiva, mesmo com o setor desfalcado do guard Andrus Peat. O center novato Erik McCoy tem atuado muito bem e os tackles: Ryan Ramczyk e Terron Armstead são dois dos melhores jogadores de suas posições. Michael Thomas é de longe o alvo mais acionado na equipe e tem feito outra excelente temporada, liderando o time com 121 recepções, 1,424 jardas e 7 touchdowns. O tigh end Jared Cook também tem sido uma opção viável de passes, especialmente na redzone e anotou 2 touchdowns no último jogo, enquanto que o running back Alvin Kamara é bastante utilizado recebendo passes curtos e ganhando jardas após as recepções, por vezes também alinhando no slot. Ted Ginn Jr., Josh Hill, Tre'Quan Smith e Taysom Hill são algumas das outras opções de alvos para Brees. 

O jogo terrestre tem funcionado bem e é parte importante do ataque dos Saints, Alvin Kamara não teve uma boa partida contra os 49ers, correndo para apenas 25 jardas em 13 tentativas, mas vem com média de 4,4yds por carregada, enquanto que Latavius Murray tem sido um bom complemento e soma 5 touchdowns terrestres. O versátil Taysom Hill, também é utilizado como corredor e tem média de 6,7yds por carregada. 

A defesa começou mal, mas foi melhorando ao longo da campanha, no entanto, o setor vem de uma de suas piores partidas, permitindo 48 pontos para os 49ers na semana 14 e o time possui desfalques importantes, com Marcus Davenport e Sheldon Rankins na lista de inativos e com os linebackers A.J. Klein e Kiko Alonso questionáveis para o jogo de hoje. O pass-rush tem funcionado bem e o time soma 43 sacks na temporada, com Cameron Jordan sendo o grande destaque, tendo 13,5 sacks, a equipe porém, fica enfraquecida sem Marcus Davenport, que vinha com 6,5 sacks. Na ausência de Sheldon Rankins, o time também tende a ser pior contendo o jogo terrestre e a equipe permitiu 162 jardas terrestres para os 49ers na última partida. A secundária também teve problemas no último jogo, mas em geral vem bem, com Marcus Williams se destacando como um dos melhores safetys na cobertura de passes e tendo 13 passes desviados e 4 interceptações, enquanto que os cornerbacks Marshon Lattimore e Marshon Lattimore são sólidos e o safety C.J. Gardner-Johnson entrou bem na equipe. O linebacker Demario Davis tem feito uma ótima temporada e é um dos destaques da defesa, liderando o time em tackles e tendo: 3 sacks, 9,5 tackles que geraram perda de jardas para os adversários, 9 passes desviados e 1 interceptação. 

Deonte Harris produziu ótimos retornos na última partida contra os 49ers e tem médias de: 24,7yds em retornos de kickoffs e 10,5yds em retornos de punt, já tendo anotado um touchdown através de um retorno de punt nessa temporada. O special team dos Saints porém, tem tido problemas na cobertura dos chutes, com a equipe já tendo cedido um touchdown através de um retorno de kickoff. O kicker Wil Lutz, converteu 29 de 33 tentativas de field goal na temporada, indo 3-5 em chutes para mais de 50 jardas. O punter Thomas Morstead, tem sido um dos destaques de sua posição esse ano, com 24 chutes que colocaram os oponentes na linha de 20 jardas ou menos de seus próprios campos e apenas 1 touchback. 

Lesões

Indianapolis Colts 

Daurice Fountain (WR, Inativo), Javon Patterson (C, Inativo), Chester Rogers (WR, Out), Adam Vinatieri (K, Inativo), Parris Campbell (WR, Inativo), T.Y. Hilton (WR, Questionável), Kenny Moore II (CB, Questionável), Eric Ebron (TE, Inativo) e Kemoko Turay (DE, Inativo). 

New Orleans Saints

Andrus Peat (T, Out), Kaden Elliss (LB, Inativo), Alex Anzalone (LB, Inativo), Keith Kirkwood (WR, Inativo), Patrick Robinson (CB, Questionável), William Clapp (C, Questionável), A.J. Klein (LB, Questionável), Kiko Alonso (LB, Questionável), Zach Line (FB, Questionável), Marcus Davenport (DE, Out for season), Sheldon Rankins (DT, Out), Chris Clark (T, Inativo) e Carl Granderson (DE, Inativo).

A Linha

Linha Projetada: New Orleans Saints -11
Total Projetado: 49

Recordes: Colts 6-6-1 ATS e 8-5 O/U, Saints 8-5 ATS e 7-6 O/U. 

A linha foi aberta em Saints -9, caiu para -8,5, mas depois retornou até o número de abertura na maioria dos sportbooks. 63% das apostas, vieram no handicap dos Saints nessa partida. 

O total foi aberto em 46 e subiu para 47,5 durante a semana. 90% das apostas, vieram no over de pontos da partida. 

Onde está o valor?

Os Saints possuem alguns desfalques consideráveis na defesa, especialmente Sheldon Rankins, que os torna mais vulneráveis contra o jogo terrestre, enquanto que os Colts possuem uma boa linha ofensiva, podendo neutralizar o pass-rush de New Orleans, no entanto, Drew Brees não deve ter problemas para produzir contra uma secundária fraca, que permitiu 456 jardas para Jameis Winston na última semana e que talvez atue desfalcada de um de seus cornerbacks. Os Colts caíram muito de produção ao longo da temporada e apesar de os Saints estarem vindo de um jogo cansativo, onde terminaram derrotados, eles não precisarão viajar, enquanto que os estão fazendo o 2° seguido fora de casa e o 3° fora em suas últimas quatro partidas. Acredito que os Saints mereciam um favoritismo superior a 10 pontos no handicap e na linha atual, vejo valor para apoiar o time de New Orleans. 

Palpite: New Orleans Saints -9 @1.90 na Bet365
 


Apostar na Bet365 Bet365



Faça parte do Telegram aposta10 para receber em primeira mão as melhores dicas e promoções.


Casas de apostas

Bet365

Bônus

R$200

Ganhar
Sportsbet.io

Bônus

Lucro turbinado

Ganhar
Bodog

Bônus

R$200

Ganhar
188BET

Bônus

R$200

Ganhar
Dafabet

Bônus

R$600

Ganhar
Rivalo

Bônus

R$777

Ganhar

Newsletter

Iniciando agora no mundo das apostas esportivas?

Deixe o seu e-mail e receba materiais exclusivos


Outras Dicas

Ganha

Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano

02/02 (Dom) às 20:30

NFL: Super Bowl LIV - San Francisco 49ers x Kansas City Chiefs - 02/02

A 100° temporada da NFL chega ao seu final com o Super Bowl LIV entre San Francisco 49ers e Kansas City Chiefs. Transmissão ESPN.

Stake (confiança)

(5 de 10)

Mercado: Handicap Asiático | Odd 1.83

LEIA MAIS

Perdida

Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano

02/02 (Dom) às 20:30

NFL: Super Bowl LIV - San Francisco 49ers x Kansas City Chiefs - 02/02 - Outros Mercados

Dicas de Aposta para os mercados alternativos do Super Bowl LIV, grande decisão do Futebol Americano, com início às 20:30 no domingo.

Stake (confiança)

(5 de 10)

Mercado: Over e Under | Odd 301.00

LEIA MAIS

Perdida

Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano

19/01 (Dom) às 20:40

NFL Playoffs: NFC Conference Championship - Green Bay Packers x San Francisco 49ers - 19/01

Valendo uma vaga no Super Bowl, Green Bay Packers e San Francisco 49ers se enfrentam no Levi's Stadium, pelo Conference Championship da NFC.

Stake (confiança)

(5 de 10)

Mercado: Handicap Asiático | Odd 1.94

LEIA MAIS