Guia de Apostas para as Oitavas de Final da Copa Libertadores da América 2020

 




17/11/2020

A Copa Libertadores entra em sua fase mais esperada: “O MATA-MATA”. Com jogos de ida e volta, dezesseis clubes seguem na competição mais tradicional do continente rumo a sua decisão que irá ocorrer em território brasileiro, no dia 30 de janeiro de 2021, no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro.

Esse é o segundo ano com a final única, que em 2019 consagrou o Flamengo de Jorge Jesus, Gabigol e Bruno Henrique, com uma virada espetacular nos minutos finais contra o River Plate em Lima, no Peru.

O modelo é simples no mata-mata, jogos de ida e volta, com gol qualificado para o visitante, mas tem um fator novo: a falta de torcida nos estádios, que deve persistir até o final da competição. Qual será o impacto disso?

Já temos confrontos de campeões continentais e confrontos Brasil x Argentina nesta fase. Como diz um famoso narrador: “HAJA CORAÇÃO AMIGOS! É MATA-MATA!”


Índice

bônus R$ 200

 


Guaraní-PAR x Grêmio
Ida: 26/11 - Defensores del Chaco - Assunção, Paraguai (21h30)
Volta: 03/12  - Arena do Grêmio - Porto Alegre, Brasil (21h30)

O Guaraní vem sendo um time constante na Libertadores nos últimos anos e para chegar até a fase de grupos eliminou o Corinthians, mais uma vez, na fase prévia.
Nos jogos contra o Palmeiras, perdeu no Brasil por 3 a 1 e empatou por 0 a 0 em Assunção.
A equipe tem o comando do argentino Gustavo Costas desde junho de 2019.
Novos nomes chegaram ao clube e caíram bem, como Cecilio Domínguez e Bautista Merlini.

Tricampeão da Libertadores, o Grêmio cresceu no último mês após momentos de instabilidade e críticas ao trabalho de Renato Portaluppi, que está no clube desde 2016.
Mesmo com baixas consideráveis, como Everton Cebolinha, o time encontrou um bom substituto em Pepê e confia na volta do bom futebol de Jean Pyerre.

Expectativa: O Grêmio é favorito e deve passar nesta fase eliminatória. O Guaraní joga suas fichas no Defensores del Chaco, onde tenta surpreender o rival.


LDU x Santos
Ida: 24/11 - Estádio Casa Blanca - Quito, Equador (19h15)
Volta: 01/12 - Vila Belmiro - Santos, Brasil (19h15)

O sonho dos torcedores da LDU é reviver 2008, quando desbancou camisas pesadas e venceu o Fluminense na decisão para consagrar uma geração, que ainda venceria uma Copa Sul-Americana no ano seguinte, além de uma Recopa.
O fator altitude é muito forte para os equatorianos, que venceram River Plate e São Paulo em Quito.
No banco de reservas o uruguaio Pablo Repetto, que trabalha no clube desde julho de 2017. Em campo, bons nomes como Cristian Martínez, Marcos Caicedo e Billy Arce. 

Entre altos e baixos, o Peixe vai conseguindo realizar uma campanha bem regular e segue sonhando em ir longe na Copa Libertadores. O time treinado por Cuca passa por um surto de COVID-19, que inclusive deixa o treinador fora do trabalho, mas até a data da primeira partida deve contar com todos seus atletas.
A esperança para o Santos passa pelos pés de Soteldo e Marinho, os principais talentos da Vila Belmiro.

Expectativa: É muito complicado enfrentar a LDU e podemos dizer que a decisão desse confronto acontece em Quito, pois um bom resultado do Santos praticamente encaminha sua classificação, enquanto os equatorianos buscam uma vantagem para chegar tranquilos ao Brasil. Para não ficar em cima do muro, minha aposta vai ao lado da LDU.


Racing x Flamengo
Ida: 24/11 - El Cilindro - Avellaneda, Argentina (21h30)
Volta: 01/12 - Maracanã - Rio de Janeiro, Brasil (21h30)

Um jogo para deixar o grande Mauro Cezar Pereira com o coração dividido em sua torcida.
De um lado o Racing, campeão da Libertadores em 1967, dono de uma torcida apaixonada, e que vem de boas temporadas no futebol argentino e do outro o Flamengo, atual campeão da Libertadores e que ainda busca se encontrar após a saída do português Jorge Jesus.

La Academia não faz um bom começo de Campeonato Argentino, com três derrotas em três jogos e causa preocupação no treinador Sebastián Beccacece, sonho de consumo dos clubes brasileiros.
Muitos atletas deixaram o clube, diante do cenário da pandemia, mas alguns rostos conhecidos seguem no El Cilindro, como Churry Cristaldo, ex-Palmeiras, Lisandro López e Cvitanich. Destaque para o paraguaio Matías Rojas e o atacante Augusto Solari.

Dono de um elenco com grandes nomes que conquistaram a Copa Libertadores em 2019, como Gabigol, Bruno Henrique e Gerson, o Mengão ganhou reforços importantes, caso de Pedro e Isla, mas não conseguiu deslanchar desde a saída de Jorge Jesus.
A aposta é no trabalho de Rogério Ceni, que até aqui fez duas partidas pelo clube e ainda não venceu, mas tem a confiança da torcida, diretoria e atletas.

Expectativa: Mesmo que o momento não seja dos melhores para o Flamengo, temos uma grande diferença técnica entre os clubes e com isso minha aposta é para que o Rubro- Negro avance.


Internacional x Boca Juniors
Ida: 25/11 - Beira-Rio - Porto Alegre, Brasil (21h30)
Volta: 02/12 - La Bombonera - Buenos Aires, Argentina (21h30)

O Colorado chega em uma voltagem totalmente diferente para esse duelo após a saída repentina de Eduardo Coudet. A equipe tem o comando de Abel Braga, que foi derrotado nas duas partidas que comandou a equipe e não passa segurança em suas ideias, apesar do passado vitorioso no Beira-Rio. A esperança do torcedor passa pelos pés e gols de Thiago Galhardo.

Grande pedra no sapato dos brasileiros, o Boca Juniors está com saudades de levantar “La Copa”, afinal são 13 anos de jejum. Para isso apostaram em alguém que sabe o caminho: Miguel Ángel Russo.
Fato que o veterano comandante deu um novo gás ao xeneizes, que venceram a Superliga Argentina e acumularam uma invencibilidade de 15 jogos, que terminou com uma derrota por 1 a 0 para o Newells Old Boys no final de semana.
No ato final de sua carreira, Carlitos Tévez quer levar o time de volta ao topo do continente e tem a companhia de Cardona e Maroni. 

Expectativa: Que jogaço! Dois campeões continentais e com times de alto nível em uma partida que poderia ser a decisão da competição. Hoje o Boca Juniors está a frente e por isso é meu favorito para esse duelo.


Independiente del Valle x Nacional-URU
Ida: 25/11 - Casa Blanca - Quito, Equador (19h15)
Volta: 02/12 - Parque Central - Montevidéu, Uruguai (19h15)

Apenas dois duelos não envolvem brasileiros e um deles coloca o Independiente del Valle, do técnico sensação Miguel Ángel Ramírez, contra o tradicional Nacional de Montevidéu.

Pelo lado dos equatorianos, que foram campeões da Copa Sul-Americana em 2019, a expectativa é que a falta de torcida para todos os clubes equilibre a disputa em busca do título. 
Com um futebol ofensivo, nem mesmo a saída de bons nomes no começo da temporada alterou suas boas atuações, mas o momento é de cuidado, pois o time perdeu quatro dos últimos cinco jogos que disputou.

Faz tempo que o Nacional não consegue uma campanha de destaque na Copa Libertadores e o momento parece favorável após uma primeira fase segura e tambpem do bom momento no Campeonato Uruguaio.
O Bolso tem no comando Jorge Giordano, que chegou ao clube em outubro de 2020, 
A equipe uruguaia tem um elenco extremamente jovem, com destaque para o veterano Bergessio no campo de ataque.

Expectativa: No momento do sorteio o favoritismo era total do Del Valle, mas agora os times vivem um momento bem diferente e com a queda de desempenho dos equatorianos, o Nacional tem possibilidades de voltar às quartas de final.


Athletico Paranaense x River Plate
Ida: 24/11 - Arena da Baixada - Curitiba, Brasil (19h15)
Volta: 01/12 - Avellaneda - Buenos Aires, Argentina (21h30)

A falta de pontaria no empate por 0 a 0 com o Jorge Wilstermann cobrou seu preço para o Athletico Paranaense, que preferia um adversário com menos qualidade e tradição.
Sob o comando de Paulo Autuori, o Furacão vem respirando na Série A, mas segue na briga direta contra o rebaixamento. Com um elenco totalmente diferente do ano passado, quando levantou a Copa do Brasil, o Athletico confia em Nikão, Renato Kayzer e em boas partidas do goleiro Santos.

A derrota para o Flamengo nos segundos finais ainda não foi digerida pelos Millonarios, ainda que eliminar o rival Boca Juniors tenha sido muito comemorada. No começo do ano veio o tropeço no Campeonato Argentino, quando o título parecia certo e acabou em La Bombonera e agora o técnico Marcelo Gallardo, desde 2014 no clube, quer “La Copa’.

O futebol do River Plate segue em alto nível e com grandes nomes como Enzo Pérez e Santos Borré ainda no clube.

Expectativa: O River Plate é o grande favorito para esse jogo e minha aposta para avançar. 


Libertad x Jorge Wilstermann
Ida: 25/11 - La Olla - Assunção, Paraguai (21h30)
Volta: 02/12 - Félix Capriles - Cochabamba, Bolívia (21h30)

Um confronto entre paraguaios e bolivianos é outra partida sem brasileiros.

Figura comum nas quartas de final nos últimos 15 anos, o Libertad não parece mostrar força para alcançar o título, sobretudo pelo momento complicado, onde tem quatro derrotas e duas vitórias nos últimos seis jogos.
O time paraguaio apostou em uma troca de técnico, com Gustavo Morínigo no lugar de Ramón Díaz, que veio para o Botafogo.
Aos 37 anos, o interminável Óscar Cardozo é o principal nome do time, mas tem ficado mais no banco de reservas. Com a camisa 10, o jovem Iván Franco é alguém para ficar de olho.

Diante de tantos problemas enfrentados, a liderança de um grupo que tinha Athletico Paranaense, Colo Colo e Peñarol foi uma grande vitória dos bolivianos.
Mas até onde o Jorge Wilstermann pode chegar? A equipe ainda não teve seu campeonato nacional de volta e segue trabalhando com foco na Libertadores, algo que pode atrapalhar o ritmo.

Desde junho de 2019 no clube, Cristian Díaz é o técnico e não tem grandes nomes como opção. Destaque para os brasileiros Serginho e Lucas Gaúcho.

Expectativa: O Libertad entra como favorito, mas diante da altitude de Cochabamba, o Jorge Wilstermann pode surpreender e arrisco algo nos Aviadores caso vençam por pelo menos dois gols de diferença em casa.


Delfín x Palmeiras
Ida: 25/11 - Jocay - Manta, Equador (19h15)
Volta: 02/12 - Allianz Parque - São Paulo, Brasil (19h15)

Uma das novidades nos últimos anos na Libertadores, o Delfín vem pela primeira vez para as oitavas de final. Sob o comando do técnico Miguel Zahzú, faz uma campanha razoável após garantir a vaga de forma surpreendente com uma vitória por 1 a 0 sobre o Olímpia em Assunção.

O Palmeiras tem uma verdadeira obsessão em voltar a vencer a Copa Libertadores e a consistência apresentada com o trabalho do técnico Abel Pereira, português que chegou a pouco, é um grande trunfo.
Desde a saída de Vanderlei Luxemburgo, o Verdão fez o seu forte elenco deslanchar, primeiro sob o comando do auxiliar Andrey Lopes, o Cebola, e depois uma continuidade com Abel.
Boas opções e jogadores não faltam no Allianz Parque.

Expectativa: Com todo respeito aos equatorianos, o Palmeiras é muito favorito e seria um vexame parar na fase de oitavas de final. Acredito que o Verdão tenha possibilidade de vencer as duas partidas.

 


Betfair - Brasil vs. Colombia

Onde Apostar?

Confira nossa lista com as
melhores casas de apostas:

Betfair

Bônus R$ 200

9.4 (nossa avaliação)

Pegar Bônus Review Betfair
Bet365

R$ 200 bônus

9.4 (nossa avaliação)

Pegar Bônus Review Bet365
Dafabet

R$ 600 bônus

9.2 (nossa avaliação)

Pegar Bônus Review Dafabet
Betano

Bônus R$ 200

9.1 (nossa avaliação)

Pegar Bônus Review Betano
Sportsbet.io

Odds Turbinadas

9.1 (nossa avaliação)

Turbinar Review Sportsbet.io
Vbet

R$ 500 Bônus

9 (nossa avaliação)

pegar meu bônus Review Vbet
Dezão

Quer receber nossos palpites
direto no seu celular ou e-mail?

Receber dicas no Telegram Receber dicas no meu e-mail

Outras Notícias