5 dicas para ter sucesso nas apostas







E aí, os caras?! No artigo de hoje falarei sobre 5 dicas que te farão ter sucesso nas apostas esportivas e são elas:

 

1. Análise de jogos

 

Analisar jogos é o primeiro passo para se tornar um apostador de sucesso. Saber ler os números e colher as informações corretas que realmente devem ser levadas em consideração é muito importante, por isso vou te mostrar como eu faço isso para poder encontrar a tendência da partida.

Começando pelas estatísticas podemos usar o resultados.com, SofaScore, como exemplos.

A primeira coisa que faço ao pegar um jogo para analisar é a forma da equipe, ou seja, como ela vem em seus últimos jogos. Gosto sempre de pegar seus últimos 10 jogos, e a partir deles vou analisar uma média de vitórias, derrotas e empates das equipes, assim como vitórias por mais de um gol de diferença, ou até mesmo derrotas por mais de um gol de diferença.

Quando eu abro a tabela de classificação, olho a posição do time na tabela. É importante se atentar a isso, pois caso o campeonato esteja em reta final, pode existir uma necessidade maior para uma determinada equipe se ela estiver brigando por uma vaga “especial” (entrar em uma zona de classificação ou até sair da zona de rebaixamento) ou apenas cumprindo tabela. 

A tabela de classificação também nos mostra de forma resumida o número de gols feitos das equipes e sofridos, assim como o total de vitórias, empates e derrotas durante toda a competição.

Existe uma ferramenta que o site resultados.com nos oferece que é a forma onde visualizamos como vem a equipe apenas nos últimos cinco jogos e isso pode ser bem esclarecedor na questão de rendimento, para enxergarmos caso a equipe tenha melhorado recentemente seus resultados ou não. Claro que não pode se prender somente aos resultados finais – é sempre bom acompanhar os jogos e ver o que realmente aconteceu nas partidas.

Agora vamos para a reta final da nossa análise que é procurar em sites de notícias, site oficial do time ou até mesmo nas redes sociais dos clubes, para saber a provável escalação das equipes e se vai haver algum desfalque. Às vezes a equipe tem um jogo importante na próxima rodada, seja por uma competição internacional, uma copa ou até mesmo um clássico e o time pode fazer alguma mudança já pensando lá na frente. Então é importante se atentar a isso, pois um dos maiores motivos de acontecerem resultados inesperados são os desfalques.

Exemplos:

O Barcelona é um dos maiores clubes do mundo, tem em seu elenco alguns dos melhores atletas do planeta. Entretanto, se o Barcelona joga sem Messi, ele cai muito de rendimento. Dia 10 de janeiro de 2019 Barcelona enfrentou o “imponente” Levante e acabou sentindo a falta do seu principal jogador, Lionel Messi. Otime perdeu por 2x1 com um gol de Coutinho no final do jogo, para diminuir o vexame.

O Real Madrid é outro time que se não for o maior da história pelos títulos conquistados e tradição de sempre ter em seu elenco os melhores do mundo, sempre sentia a falta de seu principal jogador Cristiano Ronaldo – premiado cinco vezes como melhor do mundo – e principalmente quando ele saiu do Real para a Juventus de Turim. A partir daí foi quando o clube passou pela maior seca de gols da história, quase 1 mês sem marcar.

Outro exemplo é o caso do São Paulo no ano de 2018, onde fez um excelente 1° turno terminando como primeiro colocado e após a lesão de Everton, destaque da equipe, o time teve um péssimo aproveitamento e acabou quase perdendo a vaga para libertadores, tendo que se contentar com apenas uma vaga na Pré-Libertadores.

Por isso eu digo que os desfalques são muito importantes quando são os principais jogadores, aquele que é a estrela do time, que arma jogada, que é o goleador, que chama a responsabilidade para si e que acaba deixando o time dependente dele. Se for um atleta qualquer que apenas faz o papel dele em determinada posição. eu acabo não me preocupando muito.

 

2. Precificação

 

A precificação é um conteúdo avançado nas apostas esportivas, pois é difícil explicar o conceito de odd justa para uma pessoa que está iniciando e fazer ela entender. Porém, indo direto ao ponto, precificação é dar preço aos eventos de uma determinada partida, definindo odd justa baseado-se em probabilidade.

Com o tempo você consegue precificar as partidas de acordo com as informações que você encontrou. Fique sempre de olho nas boas oportunidades de apostas e nos jogos que existem grandes tendências, pois as odds estão mais altas que a probabilidade. Isso dificilmente acontece em grandes competições, por isso foque nas competições da sua região onde as casas tem menos informação.

As competições com pouco popularidade, consideradas menores, como a 2° e 3° divisão, ou até mesmo a 1° divisão de alguns campeonatos com pouca expressão no mundo do futebol, tem uma tendência maior de encontrar odd desajustadas, pois as casa de apostas tem menos informações para conclusão das análises. Lembrando que isso não é regra, pois pode-se muito bem encontrar valor em grandes competições, porque como foi falado, o valor acaba sendo subjetivo pela análise feita e informações colhidas.

Experiência é fundamental aqui, pois sem a prática de analisar jogos e sem o mínimo de conhecimento sobre o campeonato em questão, você não conseguirá fazê-la.

Eu precifico muito bem as partidas do futebol brasileiro, pois é onde acompanho fielmente. Procuro uma tendência nas estatísticas, dou um peso motivação aos desfalques e por fim chego ao preço justo da partida. Entretanto, eu não conseguiria fazer o mesmo em competições da Europa onde não acompanho de perto e não sei muito sobre as equipes.

 

3. Visão de longo prazo

 

Outro ponto muito importante para qualquer apostador é saber definir as apostas esportivas como um investimento – investimento esse que é de renda variável, e que você precisa trabalhar com o longo prazo ao seu favor para vencer as variações que está sujeito a sofrer. Essas variações podem ser positivas ou negativas e um resultado excelente a curto prazo pode não se sobressair em uma sequência ruim a longo prazo. Devido a isso, o apostador precisa ter essa consciência para não achar que é o melhor apostador do mundo quando pega uma corrida boa e nem se desesperar quando pega uma corrida ruim. Aliás, é sobre isso que vamos falar na quarta dica.

 

4. Gestão de banca

 

A gestão de banca é fundamental para sobreviver no mundo das apostas esportivas. Talvez você já tenha quebrado alguma banca e isso aconteceu porque provavelmente você não colocou regras de valores para aplicar em cada jogo e muito menos recalculou o valor da stake para continuar apostando tranquilamente quando sua banca reduziu consideravelmente. Por isso, agora vai algumas dicas para gerir melhor a sua banca:

O gerenciamento do capital serve para que minimize as perdas e também para que você possa da melhor forma maximizar seus ganhos. Para isso, é preciso fracionar o valor total da sua banca em pequenas partes.

A gestão de banca consiste basicamente em você separar um valor para que você possa realizar suas apostas. Esse valor pode ser 1%, como também pode ser 5%, isso vai depender do seu método de apostas e também do valor da sua banca. Para uma banca pequena, digamos que de R$ 100,00, se o apostador utilizar como stake (porcentagem da banca utilizada para fazer o investimento) 1% da banca, vai dar apenas R$ 1 e fica realmente complicado para dar continuidade com ganhos tão baixos. Nesse caso poderia usar muito bem uma stake de 5% para que possa alavancar o crescimento. Entretanto, se for falar de proporções maiores de valores como por exemplo, 10 mil reais de banca, a porcentagem de 5% acaba se tornando muito alta e não existe necessidade de alavancamento nesse caso, e sim de segurança.

Então coloco um valor justo para o controle de capital: uma porcentagem de 1 a 3 % do valor total para cada investimento. Você pode fazer seu gerenciamento de banca por stake fixa ou stake variável.

A stake fixa é bom para manter o controle das apostas e registrar os resultados. A stake variável é boa porque, com o tempo, você vai perceber que em determinadas partidas irá encontrar grandes oportunidades de apostas e com isso se sentir mais confiante para utilizar uma stake maior. Isso pode acontecer em determinada competição também, mas como eu disse, só o tempo vai te mostrar isso.

Você também pode nivelar suas apostas por nível de confiança, fazendo a identificação do risco e a administração do mesmo, por exemplo:

- Boas oportunidades utiliza-se 1,5% da banca;

- Excelentes oportunidades, 3% da banca;

- Ou apenas utilizar uma stake fixa de 2,5%, que eu acredito ser o número ideal para quem faz esse tipo de método.

Há quem ainda nivele os níveis em três:

- Small: 1%

- Medium: 2%

- Big: 3%

Todos esses modelos de gestão de banca são eficientes, mas quem vai dizer qual o mais eficiente para você, é você mesmo. Nas apostas esportivas não existe receita de bolo, pois tudo gira em torno de métodos e como você aplica eles da melhor forma possível.

O apostador não vive só de matemática exata – tem um pouco de dedução também, principalmente quando ganhamos mais estrada e experiências. Devido a esses fatores, hoje eu utilizo stake variável nas minhas apostas, mas nunca saindo do valor pré-estabelecido por mim mesmo que é de 1 a 3% da banca.

Se estiver passando por uma fase ruim e você ver sua banca cair muito, não pense duas vezes ao recalcular o valor da sua banca e passar a usar valores menores até que essa fase passe. Uma perca de 30% do valor da banca já é o ideal para fazer esse ajuste e evitar uma possível quebra.

 

5. Registro das apostas

 

Por último, e não menos importante, o registro das apostas vai te ajudar a enxergar com uma visão de longo prazo onde você está se saindo melhor. Irá te ajudar principalmente se você utiliza uma planilha com filtros, e após separar ali os campeonatos, os mercados, as odds, o momento em que você coloca aposta vai identificar coisas que estão te dando um lucro bom e coisas que estão te fazendo perder dinheiro.  Por isso, um registro das suas apostas é fundamental para evolução de qualquer apostador, para que ele possa gastar mais energias fazendo aquilo que realmente o faz ter uma lucratividade maior.

Você pode utilizar planilha no Excell, ferramentas online como Stake Toys, Blogabet, ou um simples papel e caneta. Vai depender da forma como você se acostuma para realizar esses registros e tornar eles um hábito na sua caminhada nas apostas esportivas.

Uma planilha de resultados vai muito além do que você apenas registrar seus números e poder fazer os ajustes necessários das suas apostas, ela também serve para você divulgar seus resultados.

Por fim, é isso. Acredito que se você seguir esses 5 passos você terá sucesso nas suas apostas e, se não está tendo, provavelmente deixou de fazer alguma coisa da lista que resumindo é: análise, saber dar preço as odds, gestão de banca, visão de longo prazo e registro das apostas


Casas de apostas

Bet365

Bônus

R$200

Ganhar
Sportsbet.io

Bônus

Lucro turbinado

Ganhar
Sportingbet

Bônus

R$120

Ganhar
Bodog

Bônus

R$200

Ganhar
188BET

Bônus

R$200

Ganhar
NetBet

Bônus

R$200

Ganhar
Dafabet

Bônus

R$600

Ganhar
Betfair

Bônus

$30

Ganhar
Rivalo

Bônus

R$777

Ganhar

Newsletter

Iniciando agora no mundo das apostas esportivas?

Deixe o seu e-mail e receba materiais exclusivos



Outros Artigos