Aposta10 Logo
Pesquisar...
Pesquisar...
Pesquisar...
Pesquisar...
homeBlogMercado de ApostasPresidente da CPI das Apostas, Kajuru defende que Paquetá seja afastado da Seleção

Presidente da CPI das Apostas, Kajuru defende que Paquetá seja afastado da Seleção

Josias Pereira Josias Pereira
Presidente da CPI das Apostas, Kajuru defende que Paquetá seja afastado da Seleção
whatsappwhatsappwhatsapp
whatsappwhatsappwhatsapp

O senador Jorge Kajuru (PSB-GO), presidente da CPI das Apostas Esportivas, defendeu que o meia Lucas Paquetá seja afastado da Seleção Brasileira. O atleta foi denunciado pela Federação Inglesa por ter supostamente manipulado o recebimento de quatro cartões amarelos no futebol inglês em prol de apostadores da Ilha de Paqueta, no Rio de Janeiro. 

Atualmente, o jogador do West Ham está com a Seleção Brasileira na disputa da Copa América e é titular no time comandado pelo técnico Dorival Júnior. No último dia 18 de junho, Paquetá recebeu um convite da CPI para falar sobre a denúncia da Federação Inglesa. Ele pode rejeitar ou aceitar a solicitação, que permanece de pé apesar da tentativa de seus representantes de engavetá-la. 

"A Seleção Brasileira tinha que afastar o Paquetá e falar: ‘Primeiro você prova se você é inocente ou culpado nesse caso de manipulação na Inglaterra, um jogador milionário de Seleção Brasileira’", declarou Kajuru. 

O senador ainda destacou que a postura da Seleção de afastá-lo enviaria um claro recado de que a CBF não tolera tal comportamento. Kajuru também defendeu que qualquer jogador envolvido em esquema de manipulação seja banido do futebol. 

A CBF decidiu pela manutenção de Paquetá no elenco após questionar a Federação Inglesa sobre o caso. Os dirigentes ingleses manifestaram que nenhum tipo de punição ou suspensão temporária foi aplicada a Paquetá e que não existe sequer uma previsão de quando sairá a decisão sobre a acusação. Apesar disso, a imprensa inglesa especula a possibilidade de uma punição pesada, que pode inclusive encerrar.a carreira do talentoso jogador. 

(Foto: Rafael Ribeiro/CBF)