Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano Data: 10/01/2021 (Domingo) às 15:05 Bet365
Futebol Americano

Palpite: AFC Wild Card Round - Baltimore Ravens x Tennessee Titans - Playoffs NFL - 10/01

Odd: 1,83
Stake: 5/10

Status: Ganha

Publicado em 09/01/2021 às 09:23

Abrindo o 2° dia de Wild Card Round dos playoffs da NFL, Balltimore Ravens e Tennessee Titans se enfrentam no Nissan Stadium. A partida terá transmissão ao vivo para o Brasil pela ESPN. 

 Vs 

Local do evento: Nashville – Tennessee

As equipes se enfrentaram na semana 11 e os Titans venceram fora de casa por 30x24 no overtime como underdogs por 6pts no handicap. O total, definido em 50,5 naquela partida, terminou em over. 

No Nissan Stadium, a temperatura será de 5°C, com umidade do ar em 59%. Céu ensolarado e sem previsão de chuva durante a partida. 

Equipe de melhor campanha da AFC na última temporada, os Ravens (Seed #5) oscilaram um pouco de produção esse ano, mas fizeram uma forte reta final de temporada, vencendo suas últimas cinco partidas e conquistando uma das vagas de Wild Card. Criada em 1996, a franquia já venceu 2 Super Bowls e fará sua 3° aparição consecutiva nos playoffs. Os Ravens tiveram a 2° tabela mais fácil da temporada regular. 

Lamar Jackson não manteve o mesmo nível que o fez ganhar o prêmio de MVP na última temporada, mas o quarterback subiu de produção ao longo da campanha e terminou a temporada regular com números sólidos, completando 64,4% de seus passes para uma média de 7,3yds por tentativa, com 26 passes para touchdown, 9 interceptações e rating de 99.3. A piora da linha ofensiva, que perdeu o tackle Ronnie Stanley por lesão, aliado ao alto número de faltas cometidas pelo ataque, contribuíram para a queda de eficiência no jogo aéreo dos Ravens. Jackson sofreu sacks em 7,3% dos dropbacks, com o left tackle Orlando Brown Jr. e o center Matt Skura tendo problemas na proteção. Os drops dos recebedores também foram um problema no ataque aéreo dos Ravens, com Marquise Brown liderando o time em jardas recebidas, mas tendo agarrado apenas 58% dos passes lançados em sua direção. Bastante acionado, o tigh end Mark Andrews foi uma opção de passe mais eficiente do que Brown, somando 701 jardas e anotando 7 touchdowns, enquanto Willie Snead IV, questionável para essa partida, apareceu bem como WR #2. 

No sistema do coordenador ofensivo Greg Roman, os Ravens ainda fazem mais uso do jogo terrestre do que do jogo aéreo e a equipe manteve produção de elite no quesito, com médias de: 191,9 jardas terrestres por jogo e 5,5yds por tentativa de corrida. A linha ofensiva é bem mais eficiente abrindo espaços para o jogo terrestre do que na proteção ao quarterback e Jackson brilhou novamente como corredor, liderando o time com 1,005 jardas terrestres e 7 touchdowns. Além de Jackson, os running backs: J.K. Dobbins, Gus Edwards e Mark Ingram II dividem as carregadas, com Dobkins tendo as melhores exibições entre os três, somando 9 touchdowns com média de 6,0yds por carregada.

Ao contrário do ataque, a defesa é pouco faltosa e a equipe permitiu média de apenas 18,9pts para os adversários por jogo, 2° melhor marca da liga. O coordenador defensivo Don Martindale é o que mais utiliza blitz na NFL, com com os linebackers: Matt Judon, Patrick Queen, Tyus Bowser e os safetys Chuck Clark e DeShon Elliott alinhando em blitz com frequência, enquanto Calais Campbell, Pernell McPhee e Yannick Ngakoue também são pontos fortes no pass-rush. Mesmo com as constantes blitz, a secundária não ficou exposta com frequência e os principais cornerbacks do time, Marlon Humphrey, Marcus Peters e Jimmy Smith, foram todos efetivos na temporada regular, com Peters conseguindo 4 interceptações, enquanto Humphrey desviou 11 passes e Smith permitiu recepções em apenas 50% dos passes lançados em sua direção, Humphrey e Smith porém, são ambos questionáveis para essa partida. O único ponto fraco da defesa durante a temporada foi a contenção ao jogo terrestre, com o time permitindo média de 4,6yds por tentativa de corrida dos adversários, com Calais Campbell perdendo tackles na linha defensiva, enquanto o linebacker Malik Harrison também encontrou dificuldades para parar corridas. 

Comandado pelo coordenador Jerry Rosburg, o special team é outro setor de destaque nos Ravens. O novato Devin Duvernay se destacou como um dos melhores retornadores dessa temporada, anotando um touchdown através de um retorno de kickoff e produzindo médias de: 27,5yds em retornos de kickoffs e 11,5yds em retornos de punt. O setor também se saiu bem na cobertura dos chutes, limitando os adversários a médias de: 21,1yds em retornos de kickoffs e apenas 5,7yds em retornos de punt. Justin Tucker é um dos melhores kickers da linga e converteu 26 de 29 tentativas de field goal, indo 3-5 em chutes para mais de 50 jardas. O punter Sam Koch, que mostrou grande precisão ao longo de 15 jogos nessa temporada, não esteve disponível na partida da semana 17 por ter testado positivo para Covid-19 e é questionável para essa partida, podendo ser novamente substituído por Johnny Townsend. 

Finalistas da AFC na última temporada, os Titans (Seed #4) retornam aos playoffs após terem ganho 11 jogos nessa temporada, conquistando a AFC South pela 1° vez desde a temporada de 2008/09. A equipe tem apenas uma aparição em Super Bowl e jamais conquistou o título. 

Em um playbook bem equilibrado entre passes e corridas, Ryan Tannehill fez um ótimo trabalho durante a temporada regular, limitando turnovers e completando 65,5% de seus passes para uma média de 7,9yds por tentativa, com rating de 106.5. A linha ofensiva tem pontos fortes em center Ben Jones e no right tackle Dennis Kelly, mas encontrou alguns problemas na proteção ao quarterback durante a temporada, Tannehill porém, detecta bem a pressão, se livrando da bola com rapidez e sofreu sacks em apenas 4,9% dos dropbacks, 11° melhor marca da liga. A.J. Brown é o principal recebedor da equipe e acumulou 1,075 jardas em recepções e 11 touchdowns na temporada, enquanto Corey Davis esteve bem como wr #2 e os tigh ends Jonnu Smith e Anthony Firkser também se destacam como boas opções de alvos.

Um jogo terrestre de elite foi de grande ajuda na construção da média de 30,7pts por jogo da equipe, 4° melhor da NFL. Lidando com uma alta carga de carregadas, Derrick Henry teve outro excelente ano, somando 2,027 jardas, 17 touchdowns e sustentando média de 5,4yds por carregada. Versátil e com boa presença no pocket, Ryan Tannehill também é capaz de contribuir ganhando jardas com as pernas e somou 266 jardas terrestres ao longo de 43 carregadas esse ano. 

Com um front-seven enfraquecido, os Titans mostraram muitos problemas na parte defensiva nessa temporada. O pass-rush foi quase inexistente e a equipe conseguiu apenas 19 sacks durante a temporada, pressionado os quarterbacks adversários em 17,3% dos dropbacks, 2° menor marca da liga, com Harold Landry liderando o time com 5,5 sacks, enquanto os linebackers tiveram problemas na contenção ao jogo terrestre e o desfalque de Jayon Brown se mostrou significativo, com a equipe permitindo média de 4,5yds por tentativa de corrida dos adversários. No papel, a secundária formada por: Malcolm Butler, Adoree` Jackson, Desmond King II, Kenny Vaccaro e Kevin Byard é bastante talentosa, mas apenas Butler foi consistente nessa temporada, conseguindo 4 interceptações e somando 14 passes desviados, enquanto Jackson atuou em apenas três partidas, Byard decaiu na cobertura e Vaccaro ainda se mostrou bastante vulnerável contra o passe. No geral, os Titans tiveram uma defesa abaixo da média contra o jogo aéreo, permitindo que os quarterbacks adversários completassem 67,1% de seus passes, com rating de 97.5. Outro fator que prejudicou a defesa da equipe foi o excesso de faltas, com a defesa terminando como a 5° mais faltosa da temporada regular.

O special team foi mediano na cobertura dos chutes nessa temporada, mas a equipe produziu pouco em seus próprios retornos. O kicker Stephen Gostkowski converteu apenas 69,2% de suas tentativas de field goal, mas a maioria de seus erros vieram no início da temporada e Gostkowski ainda mostrou um excelente alcance em seus chutes, indo 7-8 em tentativas para mais de 50 jardas. O punter Brett Kern mostrou alcance mediano, mas ainda é um dos mais precisos de sua posição, terminando a temporada com relação IN20/TB de 88%. 

Lesões

Baltimore Ravens 

Marlon Humphrey (CB, Questionável), Willie Snead IV (WR, Questionável), Patrick Mekari (G, Questionável), Yannick Ngakoue (DE, Questionável), Jimmy Smith (CB, Questionável), Davontae Harris (CB, Inativo), Trace McSorley (QB, Inativo), Otaro Alaka (LB, Out for season), Robert Griffin III (QB, Inativo), Khalil Dorsey (CB, Out), Nick Boyle (TE, Out), Ronnie Stanley (T, Out for season) e Tavon Young (CB, Out for season). 

Tennessee Titans 

Rodger Saffold (G, Questionável), Adam Humphries (WR, Questionável), Chris Milton (CB, Inativo), Jadeveon Clowney (DE, Inativo), Dane Cruikshank (DB, Inativo), Daren Bates (LB, Inativo), Taylor Lewan (T, Inativo) e Ty Sambrailo (T, Inativo).

A Linha

Linha Projetada: Baltimore Ravens -3
Total Projetado: 57

Recordes: Ravens 10-5-1 ATS e 8-7-1 O/U, Titans 7-9 ATS e 12-3-1 O/U. 

A linha foi aberta em Ravens -3,5 e caiu para -3 durante a semana. 51% das apostas vieram no handicap dos Titans. 

O total foi aberto em 54,5, subiu para 55 e depois retornou ao número de abertura. 57% das apostas vieram no over. 

Onde está o valor?

As equipes tiveram o mesmo recorde nessa temporada e os Titans ganharam o direito de jogar em casa por terem ganho sua divisão, enquanto os Ravens se classificaram através do wild card. Apesar do mando de campo de Tennessee, o favoritismo fora de casa dos Ravens é merecido na minha opinião. No confronto entre esses times na temporada regular, os Titans levaram a melhor e os Ravens tiveram uma fraca performance ofensiva, mas os Ravens melhoraram bastante na reta final da temporada, ainda que tenham tido uma tabela fácil, e enquanto ambas equipes são capazes de entregar produção de elite no jogo terrestre, a defesa de Baltimore é bem mais consistente no geral, tendo capacidade de deixar Tannehill desconfortável no pocket, enquanto a secundária funciona mesmo sem receber muita ajuda dos linebackers na cobertura. O special team dos Ravens também é superior e Devin Duvernay frequentemente consegue boas posições para o ataque, fator muitas vezes negligenciado por apostadores, mas que merece algum peso e influi nas probabilidades da partida. Além da vitória na temporada regular, os Titans derrotaram os Ravens nos playoffs na última temporada, mas a defesa de Tennessee era bem mais consistente na ocasião, diferente dessa temporada, onde o time tem mostrado problemas tanto na contenção ao jogo aéreo, quanto ao jogo terrestre. 

A minha projeção de linha é semelhante ao número disponível nos sportbooks e não mostra o valor matemático puro, mas estou optando pelo que penso ser a melhor equipe aqui e acredito que exista valor nos Ravens como favoritos no número atual. 

Palpite: Baltimore Ravens -3 @1.83 na Bet365


Apostar na Bet365 Bet365



Faça parte do Telegram aposta10 para receber em primeira mão as melhores dicas e promoções.


R$ 200 bônus

9.4 (nossa avaliação)

A bet365 é uma das maiores casas de apostas do mundo. Tem mais de 22 milhões de clientes e a maior cobertura de eventos. A empresa atua no Brasil por décadas e é reconhecida pelo público brasileiro.

apostar
Dezão

Quer receber nossos palpites
direto no seu celular ou e-mail?

Receber dicas no Telegram Receber dicas no meu e-mail Baixe nosso Ebook Grátis

Palavra-chave:


Outras Dicas

Dica em aberto

Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano

26/09 (Dom) às 14:00

Palpite: Washington Football Team x Buffalo Bills - NFL - 26/09

Palpite para a partida entre Washington Football Team e Buffalo Bills, válida pela semana 03 de jogos da NFL, com início às 14:00.

Mercado: Handicap Asiático | Odd 1.83

LEIA A DICA APOSTA

Dica em aberto

Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano

26/09 (Dom) às 14:00

Palpite: Indianapolis Colts x Tennessee Titans - NFL - 26/09

Palpite para a partida entre Indianapolis Colts e Tennessee Titans, válida pela semana 03 de jogos da NFL, com início às 14:00.

Mercado: Handicap Asiático | Odd 1.80

LEIA A DICA APOSTA

Dica em aberto

Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano

26/09 (Dom) às 14:00

Palpite: Cincinnati Bengals x Pittsburgh Steelers - NFL - 26/09

Palpite para a partida entre Cincinnati Reds e Pittsburgh Steelers, válida pela semana 03 de jogos da NFL, com início às 14:00.

Mercado: Handicap Asiático | Odd 1.99

LEIA A DICA APOSTA