Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano Data: 02/12/2021 (Quinta-Feira) às 22:20 Dafabet
Futebol Americano

Palpite: Thursday Night Football - Dallas Cowboys x New Orleans Saints - NFL - 02/12

Odd: 1,93
Stake: 5/10

Status: Perdida

Publicado em 02/12/2021 às 18:52

Abrindo a 13° semana de jogos da temporada da NFL, Dallas Cowboys e New Orleans Saints se enfrentam no Caesars Superdome pelo Thursday Night Football. A partida terá transmissão ao vivo para o Brasil pela ESPN.

 Vs 

Local do evento: New Orleans – Louisiana

A última vez que as equipes se enfrentaram foi na temporada 2019/20 e os Saints venceram fora de casa por 12x10 como underdogs por 2,5pts. O total, definido em 47,5 naquela partida, terminou em under. 

O Caesars Superdome é um estádio fechado, portanto, condições climáticas externas não afetam diretamente a partida. 

Em sua tradicional partida em casa no feriado de ação de graças, os Cowboys (7-4 W/L) acabaram derrotados pelos Las Vegas Raiders no overtime por 36x33 e agora somam três derrotas em suas últimas quatro partidas, após terem ganho seis de seus sete primeiros jogos. A equipe lidera a NFC East, com duas vitórias a mais do que Washington, atual 2° colocado e próximo adversário de Dallas, em uma partida em Landover na semana 14.

Comandado pelo coordenador ofensivo Kellen Moore, o ataque dos Cowboys possui a 3° maior média de pontos por jogo nessa temporada, 29,6pts. Apesar da derrota, Dak Prescott teve uma boa atuação contra os Raiders na semana 12, lançando para 375 jardas e 2 touchdowns e vem tendo uma excelente temporada, completando 69,4% de seus passes para uma média de 7,8yds por tentativa, com 22 passes para touchdown, 7 interceptações e rating de 104.2. Prescott conta com excelente proteção de sua linha ofensiva e tem sido pressionado em apenas 19,3% dos dropbacks, com o guard Zack Martin e o tackle Tyron Smith sendo os principais destaques da OL estando entre os melhores de suas posições nessa temporada, enquanto o tackle La'el Collins, que não atuou na última partida, tem se saído bem após retornar de suspensão. CeeDee Lamb e Amari Cooper, os dois principais alvos de Prescott no jogo aéreo, não atuaram na derrota contra os Bills no último jogo, mas retornarão ao time nessa partida. Juntos, Lamb e Cooper somam 94 recepções para um total de 1,323 jardas e 6 touchdowns. O tigh end Dalton Schultz é o 3° maior recebedor do time e tem 47 recepções para 537 jardas nessa temporada, enquanto que na ausência dos dois principais wide receivers, Michael Gallup e Cedrick Wilson combinaram para 12 recepções e 210 jardas na partida contra os Raiders, sendo também, opções para Prescott no jogo aéreo. 

A linha ofensiva não apenas é forte na proteção ao quarterback, como também tem feito um ótimo trabalho abrindo espaços para o jogo terrestre, com Moore também utilizando os tigh ends Sean McKeon e Jeremy Sprinkle como bloqueadores extras em alguns snaps. Ezekiel Elliott e Tony Pollard dividem a carga no jogo terrestre e ambos estão produzindo bem, com Eliott somando 8 touchdowns, enquanto Pollard possui média de 5,3yds por carregada. Moore também possui jogadas desenhadas para explorar a velocidade do wide receiver CeeDee Lamb, mas que em geral, não geraram muitas jardas quando utilizadas. 

A defesa tem sido eficiente, mas parte do sucesso é atrelado a um alto número de turnovers forçados, com os Cowboys somando 15 interceptações, 8 delas do cornerback Trevon Diggs. O pass-rush tem funcionado bem, mas a equipe está desfalcada de Randy Gregory, que soma 5,0 sacks na temporada, enquanto o novato Micah Parsons tem sido o principal destaque do pass-rush da equipe, com 9,0 sacks e 31 pressões registradas. Os Cowboys limitaram os quarterbacks adversários a um rating médio de apenas 83.6 até o momento, com: Anthony Brown, Trevon Diggs e Jourdan Lewis formando um excelente trio de cornerbacks. O safety Damontae Kazee é o ponto fraco da secundária e o linebacker Leighton Vander Esch também encontra dificuldades quando recua para ajudar na cobertura. O ponto fraco da defesa comandada pelo coordenador defensivo Dan Quinn, tem sido a contenção ao jogo terrestre, com o time permitindo média de 4,4yds por tentativa de corrida dos adversários, com Osa Odighizuwa e Justin Hamilton sendo pouco combativos pelo interior da linha defensiva, enquanto o linebacker Leighton Vander Esch tem feito uma temporada ruim e perde tackles com frequência. O safety Jayron Kearse, porém, além de se sair bem na cobertura, auxilia o front-seven contra a corrida e soma 6 tackles que geraram perda de jardas nessa temporada. 

O special team se sai bem na cobertura dos punts, mas vem tendo dificuldades nos kickoffs, permitindo média de 26,8yds por tentativa de retorno dos adversários. Tony Pollard anotou um touchdown através de um retorno de kickoff na partida contra os Raiders na semana 12, enquanto Cedrick Wilson não tem sido tão produtivo nos retornos de punt. O kicker Greg Zuerlein, converteu 19 de 24 tentativas de field goal nessa temporada, indo 1/4 em chutes para mais de 50 jardas. O punter Bryan Anger, tem mostrado bom alcance em seus chutes, que viajaram 49,4yds em média nos onze primeiros jogos da equipe, enquanto mantém relação IN20/TB de 82,3%.

Os Saints (5-6 W/L) sofreram sua pior derrota dessa temporada durante a rodada especial do feriado de ação de graças na semana 12, perdendo para os Buffalo Bills por 31x6 em casa. A equipe é a 3° colocada na NFC South, com três vitórias a menos do que os líderes Tampa Bay Buccaneers. Após esse jogo, o time viaja para New Jersey, onde enfrentará os New York Jets na semana 14. Os Saints tiveram a tabela mais difícil da temporada até o momento.

Após uma fraca atuação contra os Bills, que vinha substituindo o lesionado Jameis Winston, perdeu a titularidade e o head coach Sean Payton anunciou o versátil Taysom Hill como titular para essa partida. Quarterback de origem, mas com habilidade como corredor e recebedor, Hill fez algumas partidas como quarterback titular na última temporada e teve um bom desempenho, completando 72,7% de seus passes para uma média de 7,7yds por tentativa, com rating de 98.8. Combinados, Winston e Siemian sofreram 19 sacks em 11 jogos nessa temporada, com a linha ofensiva tendo mostrado dificuldades na proteção no início da temporada, mas melhorando ao longo da campanha. A OL, porém, não contará com os tackles Terron Armstead e Ryan Ramczyk, os dois principais destaques da unidade, enquanto James Hurst tem feito um bom trabalho na proteção, com o ponto mais fraco da OL sendo o guard Cesar Ruiz, que já permitiu 4 sacks nessa temporada. Com Michael Thomas fora da temporada por uma lesão no tornozelo, Taysom Hill terá que lidar com um grupo de recebedores com bem menos talento do que com o qual trabalhou na última temporada, com o agravante de que Alvin Kamara, running back, mas bastante utilizado como recebedor em passes curtos, também está fora dessa partida. Lil'Jordan Humphrey surgiu como uma opção de alvo nas últimas partidas e agarrou 3 passes para um total de 47 jardas na derrota contra os Bills na rodada especial de thanksgiving, enquanto: Deonte Harris, Marquez Callaway e Tre'Quan Smith são as principais opções de alvos para Hill, com Harris liderando o time com 427 jardas em recepçoes, enquanto Callaway já anotou 6 touchdowns e Smith agarrou 66,6% do spasses lançados em sua direção para uma média de 11,8yds por recepção.

Além dos problemas no jogo aéreo, o ataque também não tem produzido bem no jogo terrestre e os Saints terão o desfalque do running back Alvin Kamara nessa partida. O principal problema no jogo terrestre tem sido a linha ofensiva, que tem dificuldades para abrir espaços para os running backs, mesmo com Payton frequentemente utilizando bloqueadores extras, como o tigh end Garrett Griffin, o fullback Adam Prentice e o center Will Clapp. Mark Ingram II, que começou a temporada nos Texans e foi trocado para os Saints durante a temporada, desfalcou o time contra os Bills, mas deve retornar nessa partida. Quebrando mais tackles do que Kamara, Ingram teve algumas boas performances pelos Saints e sustenta média de 4,6yds por carregada. Além de Ingram, a equipe também possui Tony Jones Jr. e Ty Montgomery como running backs de apoio, enquanto o quarterback Taysom Hill é móvel e pode produzir jardas com as pernas. 

A defesa teve uma atuação fraca na derrota contra os Bills na semana 12, apesar de Bradley Roby e Kwon Alexander terem conseguido uma interceptação cada, mas o setor, comandado pelo coordenador defensivo Dennis Allen, tem se saído bem nessa temporada, especialmente na contenção ao jogo terrestre, com os Saints limitando os oponentes a uma média de apenas 3,4yds por tentativa de corrida, menor marca da liga. Demario Davis é um dos melhores linebackers da liga e soma 11 tackles que geraram perda de jardas nos oponentes, enquanto: Cameron Jordan, David Onyemata/Christian Ringo, Shy Tuttle e Carl Granderson formam uma linha defensiva forte na contenção ao jogo terrestre. O pass-rush tem sido apenas mediano e fica enfraquecido com as ausências de: Tanoh Kpassagnon e Marcus Davenport, deixando Cameron Jordan e Carl Granderson como os únicos edge rushers efetivos do time, mas apesar do front-seven não pressionar tanto os quarterbacks, a secundária tem se saído bem, com Allen fazendo uso de diversas formações diferentes de nickel e com os Saints limitando os quarterbacks adversários a um rating médio de apenas 88.6. Marshon Lattimore não tem feito uma temporada tão boa e já permitiu 6 touchdowns, mas o safety veterano Malcolm Jenkins voltou a jogar bem, P.J. Williams tem se saído bem nas formações de nickel e a secundária ainda recebe ajuda do linebacker Demario Davis na cobertura, com quarterbacks possuindo rating de apenas 80.4 quando desafiam Davis na cobertura. 

O special team tem feito um bom trabalho na cobertura dos chutes, especialmente nos kickoffs, com os Saints permitindo média de apenas 18,4yds por tentativa de retorno de kickoff dos adversários, enquanto Deonte Harris tem produzido bons retornos para a equipe, com médias de: 23,6yds em retornos de kickoffs e 11,8yds em retornos de punt. Com Wil Lutz fora da temporada, os Saints já utiliaram quatro kickers diferentes e Brett Maher, que converteu sua única tentativa de field goal em um chute curto de 28 jardas, é o atual titular da posição. O punter Blake Gillikin, tem mostrado bom alcance, com seus chutes viajando 47,9yds em média, enquanto mantém relação IN20/TB de 85%.

Lesões

Dallas Cowboys 

Malik Turner (WR, Questionável), Cedrick Wilson (WR, Out), Terence Steele (T, Out), Randy Gregory (DE, Inativo), Blake Jarwin (TE, Inativo), Jabril Cox (LB, Out for season), Rico Dowdle (RB, Inativo), Josh Ball (T, Inativo), Hunter Niswander (P, Inativo), Francis Bernard (LB, Inativo), Mitch Hyatt (T, Inativo), Sean McKeon (TE, Inativo), Sewo Olonilua (FB, Inativo) e Reginald Robinson II (CB, Inativo). 

New Orleans Saints

Ken Crawley (CB, Inativo), Wil Lutz (K, Out for season), Chase Hansen (LB, Inativo), Michael Thomas (WR, Out for season), Nick Vannett (TE, Inativo), Ethan Greenidge (OL, Inativo), Brian Poole (CB, Inativo), Dylan Soehner (TE, Inativo), Jalen Dalton (DT, Inativo), Jameis Winston (QB, Out for season), Andrus Peat (G, Inativo), Payton Turner (DE, Inativo), Alvin Kamara (RB, Out), Ryan Ramczyk (T, Out), Tanoh Kpassagnon (DE, Out), Marcus Davenport (DE, Out), Terron Armstead (T, Out), Kaden Elliss (LB, Out) e Adam Trautman (TE, Out).

A Linha

Linha Projetada: New Orleans Saints -1
Total Projetado: 43

Recordes: Cowboys 8-3 ATS e 6-5 O/U, Saints 5-6 ATS e 6-5 O/U. 

A linha foi aberta em Cowboys -5,5, recuou para -4,5 pouco tempo após a abertura e subiu até -6,5 em alguns sportbooks no dia da partida. 67% das apostas até o momento, vieram no handicap dos Cowboys. 

O total foi aberto em 47,5 e caiu até 46. 53% das apostas até o momento, vieram no over.

Onde está o valor?

A linha saltou de -4,5 para os Cowboys para -6,5 em alguns sportbooks com a confirmação das ausências de: Terron Armstead, Ryan Ramczyk e Alvin Kamara e o anuncio de Taysom Hil como titular, no que me pareceu uma reação exagerada dos apostadores. 

O ataque dos Saints não é bom, mesmo quando os dois tackles e Kamara estão disponíveis, mas Mark Ingram II, que hoje está disponível, correu com mais intensidade do que Kamara quando utilizado nesas temporada e pode produzir contra uma defesa dos Cowboys que é abaixo da média na contenção ao jogo terrestre, enquanto Hill traz mais versatilidade ao ataque.

Os Cowboys surgiram como um contender ao Super Bowl no início da temporada, mas a defesa regrediu ao natural e mesmo antes de perderem três de suas últimas quatro partidas, já vinham mostrado algumas dificuldades e em geral, obtiveram a maioria de suas vitórias contra adversários fracos, com as exceções sendo Patriots e Vikings, este último em um jogo onde Dak Prescott desfalcou a equipe. 

O ataque dos Cowboys é de fato bastante forte e contará com o retorno de seus dois principais recebedores, mas enfrentarão uma boa e possivelmente motivada defesa dos Saints, que deve ter um bom desempenho após permitir 40 pontos para os Eagles na semana 11 e 31 para os Bills na rodada de thanksgiving na semana 12.

Entendo as apostas no lado dos Cowboys, mas fora de casa contra uma forte defesa, não acredito que mereçam esse tipo de favoritismo e vejo valor para apoiar os Saints nessa partida.

Palpite: New Orleans Saints +6,5 @1.93 na Dafabet

NFL - Season 2021/22

Recorde: 46-43 (51%), -1,41und
ODD Média: 1.89
ROI%: -1,6%
Handicaps: 41-37 (52%), +0,22und
Totais: 5-6 (45%), -1,63und
Site: 36-42 (46%), -9,56und
Youtube: 10-1 (90%), +8,15und


Apostar na Dafabet Dafabet

🎁 Promoções Ativas Dafabet



Faça parte do Telegram aposta10 para receber em primeira mão as melhores dicas e promoções.


R$ 600 bônus

9.2 (nossa avaliação)

Listada várias vezes como top-25 sites de apostas do mundo, a Dafabet oferece odds acima da média, também patrocina o Santos e o Palmeiras. É uma casa globalmente reconhecida e muito confiável.

apostar
Dezão

Quer receber nossos palpites
direto no seu celular ou e-mail?

Receber dicas no Telegram Receber dicas no meu e-mail Baixe nosso Ebook Grátis

Outras Dicas

Perdida

Pedro Ivo Fonseca Pedro Ivo Fonseca

17/01 (Seg) às 22:15

Palpite: Los Angeles Rams x Arizona Cardinals - NFL - 17/01/2022

Los Angeles Rams e Arizona Cardinals se enfrentam no SoFi Stadium, em Inglewood, California, às 22h15, pelo Wild Card da NFL

Mercado: Handicap Asiático | Odd 1.93

LEIA A DICA APOSTA

Dica em aberto

Gustavo Zambrano Gustavo Zambrano

16/01 (Dom) às 15:00

Palpite: NFC Wild Card - Philadelphia Eagles x Tampa Bay Buccaneers - NFL Playoffs - 16/01

Palpite para o jogo de Wild Card entre Philadelphia Eagles e Tampa Bay Buccaneers, partida válida pelos playoffs da NFL, com início às 15:00.

Mercado: Handicap Asiático | Odd 1.83

LEIA A DICA APOSTA

Perdida

Pedro Ivo Fonseca Pedro Ivo Fonseca

16/01 (Dom) às 18:30

Palpite: Dallas Cowboys x San Francisco 49ers - NFL - 16/01/2021

O San Francisco 49ers viaja até Arlington, Texas para enfrentar o Dallas Cowboys, no AT&T Stadium, ás 18h30, pelo Wild Card da NFL

Mercado: Handicap Asiático | Odd 1.93

LEIA A DICA APOSTA